Contando histórias com o jogo teatral e a audiodescrição

Autores

  • Thiago de Lima Torreão Cerejeira Universidade Federal do Rio Grande do Norte/Doutorando em Educação
  • Jefferson Fernandes Alves Universidade Federal do Rio Grande do Norte/Professor Doutor https://orcid.org/0000-0003-0808-7115

Palavras-chave:

Audiodescrição. Contação de histórias. Jogo teatral.

Resumo

A articulação de duas oficinas realizadas em um curso de extensão entre participantes com e sem deficiência visual oportunizou a experimentação de processos criativos e artísticos envolvendo a contação de histórias e a audiodescrição por meio dos jogos teatrais. A análise do processo permitiu vislumbrar potentes caminhos que consideram a força e o uso da palavra poética presente na contação de histórias. Tal aspecto instaura o desafio de repensar as formas de fazer audiodescrição como recurso de acessibilidade comunicacional que auxilia na compreensão da pessoa com deficiência visual afim de que incorporem novas possibilidades e privilegiem um estado de vocalidade que deve acompanhar a poeticidade do espetáculo teatral ou da obra artística.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jefferson Fernandes Alves, Universidade Federal do Rio Grande do Norte/Professor Doutor

Possui graduação em Pedagogia pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (1991), mestrado em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (1997) e doutorado em Educação pela
Universidade Federal do Rio Grande do Norte (2004). Professor Associado do Departamento de Práticas Educativas e Currículo, do Centro de Educação/UFRN. É membro dos Programas de Pós-Graduação em Educação,
Pós-Graduação em Educação Especial e Pós-Graduação em Artes Cênicas da UFRN. Orienta e pesquisa na interface Arte, Deficiência e Acessibilidade, com ênfase na relação Teatro e Deficiência Visual.

Downloads

Publicado

2022-12-13

Edição

Seção

Artigos de fluxo contínuo