O que a notação indeterminada determina – Tradução autorizada de texto publicado em 1965 na revista Perspectives of New Music, autoria de David Behrman

Autores

  • Valentina Daldegan Centro Universitário Internacional Uninter

Resumo

A época deste texto de David Behrman foi genuinamente profí­cua na discussão da notação da então "música nova." Por outro lado, Feldman foi um dos primeiros compositores a utilizar elementos de indeterminação na sua série de Projections. O que Behrman escreve neste artigo vale até hoje para a interpretação de peças que apresentam um certo grau de indeterminação, pois fornecem um bom exemplo das responsabilidades tanto do performer quanto do compositor ao lidar com notação indeterminada.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Valentina Daldegan, Centro Universitário Internacional Uninter

Mestre em Música pela Universidade Federal do Paraná, com pesquisa sobre Técnicas Estendidas e música Contemporânea no Ensino de Flauta Transversal para Crianças Iniciantes. Graduada no Curso Superior de Instrumento - flauta transversal, pela Escola de Música e Belas Artes do Paraná (1993) e Licenciada em Letras - Inglês, pela Universidade Federal do Paraná (1997). Como pesquisadora, tem publicado diversos trabalhos na área. É membro da Comissão Cientí­fica da Associação Brasileira de Flautistas. Flautista profissional com repertório extenso de música contemporânea, tendo realizado muitas estréias de obras, professora de música com especialização no Método Suzuki realizada como bolsista da East Tennessee State University, e aperfeiçoamento no Método Edwin Gordon de Aprendizagem Musical, com seu criador, na Michigan State University. É regente do Grupo Suzuki de Flautas de Curitiba desde 1996. Atua como Professora Voluntária no curso EAD de graduação em Educação Musical da Universidade Aberta do Brasil / Universidade Federal de São Carlos desde 2012, onde atuara como tutora virtual a partir de 2010. É coordenadora dos cursos de pós graduação Lato Sensu da área de Linguagem e Artes, do Centro Universitário Uninter. É colunista internacional do Suzuki American Journal, publicado pela Suzuki Association of the Americas.

Referências

BERHMAN, David. "What Indeterminate Notation Determines", Perspectives of New Music. Vol. 3, nº 2 (Spring – Summer). Disponí­vel em: http://www.jstor.org/stable/832504?seq=1&cid=pdf-reference#page_scan_tab_contents

Downloads

Publicado

31.10.2016

Como Citar

Daldegan, V. (2016). O que a notação indeterminada determina – Tradução autorizada de texto publicado em 1965 na revista Perspectives of New Music, autoria de David Behrman. Revista Vórtex, 4(2). Recuperado de https://periodicos.unespar.edu.br/index.php/vortex/article/view/1326

Edição

Seção

Tradução