A Negociação de Gênero da compositora Kaija Saariaho na Finlândia: a Mulher Compositora como Sujeito Nômade

Pirkko Moisala, Camila Durães Zerbinatti

Resumo


Este texto é a minha interpretação da negociação de gênero da compositora finlandesa Kaija Saariaho na Finlândia. Eu demonstro, através da análise da recepção pública de Saariaho e de suas experiências, como acontecem a negociação de gênero da identidade de gênero e o aparecimento de uma mulher compositora, como processos contínuos, entre as esferas da alteridade convencional (a categoria socialmente construída de mulheres compositoras) e as experiências da vida real. A análise é feita através das lentes teóricas oferecidas por DE LAURETIS (1988), CITRON (1993), FOUCAULT (1984) e pela epistemologia das transições nômades de BRAIDOTTI (1991, 1994). Reivindico que Saariaho negociou seu gênero não "dentro" do sistema dominado pelos homens, mas "com" ele, definindo uma nova posição de gênero de sujeito: a posição de sujeito nômade.

Texto completo:

PDF (English)

Apontamentos

  • Não há apontamentos.