O processo de elaboração de uma concepção interpretativa de Tetragrammaton XIII, de Roberto Victorio – Aguçamento da escuta em interação com a análise de gravações da obra

Renato Mendes Rosa, Daniel Luís Barreiro

Resumo


Neste artigo discutimos o processo de elaboração de uma concepção interpretativa da obra para violão solo Tetragrammaton XIII (2009), de Roberto Victorio, por meio de reflexões suscitadas por análises de gravações da obra. Essas análises, realizadas com o software Sonic Visualiser, com base em gravações feitas pelo primeiro autor (ROSA, 2013a; 2013b), permitiram a visualização de dados sobre os fluxos de andamentos e de dinâmicas das gravações, proporcionando um aguçamento da escuta voltado às nuances interpretativas. O texto apresenta considerações sobre a estrutura da obra e exemplos de trechos analisados, enfatizando elementos interpretativos como o direcionamento gestual e o agrupamento de notas para a formação de gestos. Evidencia-se a contribuição recíproca entre o estudo interpretativo e analítico – realizado com base tanto na partitura como nas gravações – e a articulação desse processo com foco no aguçamento da escuta.


Texto completo:

PDF

Referências


ASSIS, Ana Cláudia, AMORIM, Felipe. O gesto musical e a expressividade. In: Performa – Conferência Internacional em Estudos em Performance, 2009. Aveiro. Anais... Aveiro: Universidade de Aveiro, 2009.p. 1 – 5.

BOULEZ, Pierre. A música hoje. Tradução: Reginaldo de Carvalho e Mary Amazonas Leite de Barros. 3 ed. São Paulo: Perspectiva. 2011.

COOK, Nicholas. Entre o processo e o produto: música e/enquanto performance. Per Musi, Belo Horizonte, n.14, p.5-22. 2006.

COOK, Nicholas. Mudando o objeto musical: abordagens para a análise da performance. Música em Contexto, Brasília, ano 1, n. 1, p. 7-32. 2007.

COOK, Nicholas. Methods for analysing recodings. In: COOK, Nicholas; CLARKE, Eric; LEECH-WILKINSON, Daniel; RINK, John (Org). The Cambridge Companion to Recorded Music. Cambridge: Cambridge University Press, p. 221-245. 2009.

FORTUNATO, Catarina Isabel Brás Serra de Almeida. Tempo musical na interpretação de Préludes II de Claude Debussy. Aveiro. 182f. Dissertação (Mestrado) – Departamento de Comunicação e Arte, Universidade de Aveiro, Aveiro, 2011.

FISHER, George; LOCHHEAD, Judy. Analysis, Hearing, and Performance. Indiana Theory Review. Bloomington, v.14, n.1. p. 1-36. 1993.

GASQUES, Gisela. Reflets dans L’eau, de Claude Debussy: caminhos interpretativos revelados pela análise de gravações da obra. Uberlândia. 133 f. Dissertação (Mestrado) – Programa de Pós-Graduação em Artes, UFU, Uberlândia, 2013.

KOSTKA, Stefan M. Materials and techniques of twentieth-century music. 2. ed. Upper Saddle River: Prentice-Hall. 1999.

KRAMER, Jonathan D. Multiple and non-linear time in Beethoven’s Opus 135. Perspectives of New Music, v.11, n.2, p.122-145. 1973.

KRAMER, Jonathan D. Moment form in twentieth century music. The Musical Quarterly, v.64, no2, p.177-194. 1978.

LANGER, Susanne K. Sentimento e Forma. Uma teoria da Arte desenvolvida a partir de Filosofia em Nova Chave. São Paulo: Perspectiva, 1980.

LEECH-WILKINSON, Daniel (2009). The Changing Sound of Music: Approaches to Studying Recorded Musical Performance. Londres: CHARM. Disponível em: http://www.charm.rhul.ac.uk/studies/chapters/intro.html. Acesso em 28/09/2018.

MATSHCULAT, Josias. Gestos Musicais no Ponteio n. 49 de Camargo Guarnieri: análise e comparação de gravações. Porto Alegre. 99f. Dissertação (Mestrado) – Programa de Pós-Graduação em Música, UFRGS, Porto Alegre, 2011.

MAZURKA Project. Disponível em: http://sv.mazurka.org.uk/MzPowerCurve. Acesso em 28/09/2018.

RINK, John. Análise e (ou) performance. Traduzido por Zélia Chueke. Cognição & artes musicais. Curitiba, v. 2, n. 1, p. 25-43. 2007.

RINK, John. Sobre a performance. Traduzido por Mário Videira. São Paulo. Revista música. v. 13 n. 1, p. 32-60. 2012.

RODRIGUES, Vanessa Fernanda. Possibilidades de Escuta na Música do Século XX: Pensamento Estética e Poética na Obra de Roberto Victorio. Campinas. 92 f. Dissertação (Mestrado) - Programa de Pós-Graduação em Música, UNICAMP, 2008a.

RODRIGUES, Vanessa Fernanda. Timbre, Tempo e Espaço na música de Victorio. In: CONGRESSO NACIONAL DA ANPPOM, 18, 2008. Salvador. Anais... Salvador: Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Música, 2008b. p. 70 – 75.

ROSA, Renato Mendes. Tetragrammaton XIII (Roberto Victorio).Gravação 01. Uberlândia: Núcleo de Música e Tecnologia da Universidade Federal de Uberlândia. Mp3 (5min05s) 2013a. Disponível em: http://www.numut.iarte.ufu.br/sites/numut.iarte.ufu.br/files/Anexos/Bookpage/faixa01_gravacao01.mp3. Acesso em 28/09/2018.

ROSA, Renato Mendes. Tetragrammaton XIII (Roberto Victorio). Gravação 02. Uberlândia: Núcleo de Música e Tecnologia da Universidade Federal de Uberlândia. Mp3 (5min31s) 2013b. Disponível em: http://www.numut.iarte.ufu.br/sites/numut.iarte.ufu.br/files/Anexos/Bookpage/faixa02_gravacao02.mp3. Acesso em 28/09/2018.

ROSA, Renato Mendes. Tetragrammaton XIII (Roberto Victorio). Gravação Final. Uberlândia: Núcleo de Música e Tecnologia da Universidade Federal de Uberlândia. Mp3 (5min21s) 2014. Disponível em:

http://www.numut.iarte.ufu.br/sites/numut.iarte.ufu.br/files/Anexos/Bookpage/faixa27_gravacao_final.mp3. Acesso em 28/09/2018.

ROSA, Renato Mendes. Análise, escuta e interpretação musical: o uso da análise computacional de gravações no processo de construção interpretativa de Tetragrammaton XIII, de Roberto Victorio. Uberlândia. 158 f. Dissertação (Mestrado) - Programa de Pós-Graduação em Artes, UFU, 2015.

VICTORIO, Roberto. Tetragrammaton XIII. Edição de Renato Mendes Rosa e Miriã Morais. 2009. 8f. Violão.

ZAMPRONHA, E. S. Onde está a música? ARTEunesp, v. 12. São Paulo, 1996. p. 115-133.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.