Aprendizagem de música no cotidiano das organistas da Congregação Cristã no Brasil em Juazeiro do Norte

Carlos Renato de Lima Brito, Cristiane Maria Galdino de Almeida

Resumo


O tema deste artigo é a aprendizagem de música no cotidiano das organistas da igreja evangélica pentecostal Congregação Cristã no Brasil, na cidade de Juazeiro do Norte, estado do Ceará. O objetivo geral da pesquisa foi compreender como se dá a aprendizagem de música das organistas na referida igreja. Para atender a esse objetivo, foi realizado um estudo de caso, constituído a partir de entrevistas realizadas com um grupo de dez participantes. Os conceitos de cotidiano, socialização e papel social de Berger e Luckmann (1983) fundamentaram a pesquisa. Os resultados da pesquisa apontaram para uma aprendizagem que acontece no contexto de família e religião.


Texto completo:

PDF

Referências


BACH, Johann Sebastian. O pequeno livro de Anna Magdalena: 20 peças fáceis. São Paulo: Irmãos Vitale, 1963.

BELLOCHIO, Claudia Ribeiro. A educação Musical nas séries iniciais do ensino fundamental: olhando e construindo junto às práticas cotidianas do professor. 2000. 423 f. Tese (Doutorado em Educação) — Faculdade de Educação, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2000.

BERGER, Peter; LUCKMANN, Thomas. A construção social da realidade: tratado de sociologia do conhecimento. 5. ed. Petrópolis: Vozes, 1983.

BERGER, Peter Ludwig. O dossel sagrado: elementos para uma teoria sociológica da religião. São Paulo: Ed. Paulinas, 1985.

BOGDAN, Robert C.; BIKLEN, Sari Knapp. Investigação qualitativa em educação: uma introdução à teoria e aos métodos. Porto: Porto Editora, 1994.

BONA, Pasquale. Método Completo de Divisão Musical. São Paulo: Irmãos Vitale, 1996.

BRASIL. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Cidades@: Juazeiro do Norte. Censo demográfico 2010: resultados da amostra - religião. Disponível em: . Acesso em: 12 out. 2015.

BRITO, Carlos Renato de Lima. Aprendizagem de música no cotidiano das organistas da Congregação Cristã no Brasil em Juazeiro do Norte. 2016. 125f. Dissertação (Mestrado em Música) — Centro de Comunicação, Turismo e Artes, Universidade Federal da Paraíba, João Pessoa, 2016.

BULL, Georges. 25 pequenos estudos para piano. São Paulo: Irmãos Vitale, [s.d.].

BURGMÜLLER, Friedrich. Vinte e cinco estudos fáceis e progressivos para piano. Vol. 1. São Paulo: Irmãos Vitale, 1963.

CERTEAU, Michel. A invenção do cotidiano: artes do fazer. 3ª ed. Petrópolis: Vozes, 1998.

CONGREGAÇÃO CRISTÃ NO BRASIL. Estatuto. São Paulo: Congregação Cristã no Brasil, 2013.

CONGREGAÇÃO CRISTÃ NO BRASIL. Hinos de Louvores e Súplicas a Deus: órgão. n. 5. São Paulo: Congregação Cristã no Brasil, 2012.

CONGREGAÇÃO CRISTÃ NO BRASIL. Método de Teoria e Solfejo. São Paulo: Congregação Cristã no Brasil, 2009.

CZERNY, Carl. 60 estudos para piano. São Paulo: Ricordi Brasileira, 1932.

DAVIS, Claudia; OLIVEIRA, Zilma de Morais Ramos de. Psicologia na Educação. 3 ed. São Paulo: Cortez, 2010.

DENORA, Tia. Music in Everyday Life. Edinburgh: Cambridge, 2004.

ISBELL, Daniel S. Musicians and teachers: the socialization and occupational identity of preservice music teachers. Journal of Research in Music Education, v. 56, n. 2, p. 162-178, 2008.

GIBBS, Graham. Análise de dados qualitativos. Porto Alegre: Artmed, 2009.

GIL, Antônio Carlos. Estudo de Caso: fundamentação científica, subsídios para coleta e análise de dados, como redigir o relatório. São Paulo: Atlas, 2009.

HARGREAVES, David J.; NORTH, Adrian C. The functions of music in everyday life: Redefining the social in Music Psychology. Psychology of Music, n. 27, p. 71-83, 1999.

HELLER, Agnes. O quotidiano e a história. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1972.

KAUFFMANN, Jean-Claude. A entrevista compreensiva: um guia para pesquisa de campo. Petrópolis, RJ: Vozes; Maceió: Edufal, 2013.

KÖHLER, L. O pequeno pianista: 40 recreações para principiantes. São Paulo: Irmãos Vitale, 1947.

LORENZETTI, Michelle Arype Girardi. Aprender e ensinar música na Igreja Católica: um estudo de caso em Porto Alegre/RS. 2015. 167f. Dissertação (Mestrado em Música) - Instituto de Artes, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2015.

LOURO, Ana Lúcia; SOUZA, Jusamara. Educação Musical, cotidiano e ensino superior. Porto Alegre: Tomo Editorial, 2013.

NOVO, José Alessandro Dantas Dias. Educação Musical no espaço religioso: um estudo sobre a formação musical na Primeira Igreja Presbiteriana de João Pessoa-Paraíba. 2015. 146f. Dissertação (Mestrado em Música) — Centro de Comunicação, Turismo e Artes, Universidade Federal da Paraíba, João Pessoa, 2015.

PAIS, José Machado. Vida Cotidiana: enigmas e revelações. Rio de Janeiro: Cortez, 2003.

ROBERTS, Brian. Music teacher as identity construction. International Journal of Music Education, n. 18, p. 30-39, 1991.

RECK, André Müller. Práticas musicais cotidianas na cultura gospel: um estudo de caso no ministério de louvor “Somos Igreja”. 2011. 114 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Centro de Educação, Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, 2011.

RUSSO, Francisco. Método infantil para piano com ilustrações. São Paulo: Casa Wagner, 1998.

SÁ-SILVA, Jackson Ronie; ALMEIDA, Cristóvão Domingos de; GUINDANI, Joel Felipe. Pesquisa documental: pistas teóricas e metodológicas. Revista Brasileira de História e Ciências Sociais, n. 1, p. 1-15, 2009.

SCHMOLL, A. Novo método para piano: teórico, prático e recreativo. Primeira parte. São Paulo: Casa Wagner, 1996a.

SCHMOLL, A. Novo método para piano: teórico, prático e recreativo. Segunda parte. São Paulo: Casa Wagner, 1996b.

SILVA, Tomás Tadeu da. Documentos de identidade: uma introdução às teorias do currículo. 2. ed. Belo Horizonte: Autêntica, 2003.

SOUZA, Jusamara. Aprender e ensinar música no cotidiano. Porto Alegre: Sulina, 2008.

SOUZA, Jusamara. Educação Musical e práticas sociais. Revista da ABEM, Porto Alegre, n. 10, p. 7-11, 2004.

VENTURA, Magda Maria. O estudo de caso como modalidade de pesquisa. Rev. SOCERJ, Rio de Janeiro, v. 20, n. 5, p. 383-386, 2007.

YIN, Robert K. O Estudo de Caso: planejamento e métodos. 3. ed. Porto Alegre: Bookman, 2005.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.