Duas transcrições para canto e violão de canções para canto e piano de Dinorá de Carvalho: processos composicionais e adaptação ao idiomatismo técnico instrumental

Luís Cláudio Cabral da Silveira Ranna, Eduardo Meirinhos

Resumo


No presente artigo propomos a transcrição de duas obras para Canto e Violão da compositora nacionalista Dinorá de Carvalho (1895-1980), assim como a revisão dos procedimentos utilizados. As obras escolhidas fazem parte da 1° fase composicional das canções para Canto e Piano, ao qual predomina a utilização de ostinatos e caráter de Acalanto. Para a adaptação técnico-instrumental ao violão adotamos os apontamentos sobre transcrição de Daniel Wolff e Pedro Rodrigues, aliados aos trabalhos desenvolvidos em torno da temática idiomatismo, propostos por Scarduelli, Fernandes e Godfrey. Para complementação das argumentações utilizadas, os conceitos de Intentio Operis e Superinterpretação propostos por Umberto Eco foram utilizados no decorrer do texto, assim como na concepção geral que promovemos sobre a obra. A dissertação de mestrado de Flávio Carvalho perpassa por todo o trabalho como material essencial de consulta.

Texto completo:

PDF

Referências


ALMADA, Carlos. Arranjo. Campinas, SP: Editora Unicamp, 2000.

ANTUNES, Gilson. [Informações obtidas em Masterclass realizado com ele]. Vitória-ES: 2016.

BARBEITAS, Flávio. Reflexões sobre a prática da transcrição: as suas relações com a interpretação na música e na poesia. Belo Horizonte-MG: Per Musi, Vol1, p. 89-97, 2000.

CARVALHO, Flávio. Canções de Dinorá de Carvalho: Uma análise interpretativa. [Dissertação de Mestrado]. Campinas, SP : Unicamp, 1996, 328 p.

_________________. Dinorá de Carvalho e sua Obra para Canto e Piano (relato) IN: ANPPOM, 1995 Acessado em 12/08/2016 em http://antigo.anppom.com.br/anais/anaiscongresso_anppom_1995/praintcomrel1.htm

CASTAGNA, Paulo. História da Música como Oportunidade para o Desenvolvimento Humano. Uberlândia-MG: ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EM MÚSICA, ANPPOM, 2011. p. 512-517.

ECO, Umberto. Interpretacion y Sobreinterpretacion. Cambridge UK: 2° edição-Cambridge University Press, 1997.

____________. Signo. Colômbia: 2° edição, Editora Letra E, 1994.

FERNANDES, Marcelo; GLOEDEN, Edelton. Apontamentos sobre o idiomatismo na escrita violonística. João Pessoa-PB: IN: XXII Congresso da ANPPOM. João Pessoa, 2012.

FRUNGILLO, Mário. Mapa de Ritmos do Brasil. [Dissertação de Mestrado]. São Paulo-SP: Unesp, 2003.

GODFREY, Jonathan. Principles of idiomatic guitar writing. [Doutorado em música] EUA: Universidade de Indiana, 2013.

GRIER, James. The critical editing of music: History, method an practice. Cambridge UK: Cambridge University Press, 1996.

KENNEDY; BORNE. The Concise Oxford Dictionary of Music 1996, Oxford- UK: Oxford University Press, 1996.

LOPES; PAULINO. Discurso e formação de valores nas canções de ninar e de roda. Curitiba-PR: IN: Intercom – Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação-XXXII Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, 2009.

PEREIRA, Flavia. As Práticas de Reelaboração Musical. [Tese de Doutorado]. São Paulo-SP: USP, 2011.

RANDEL, Don Michael, The Harvard Dictionary of Music, 4° edição, Editora Belknap, 2003.

RIBEIRO, Sérgio. Reelaborações para violão da obra Bachiana: análise das versões de Franscisco Tárrega e Pablo Marquez da Fuga Bwv1001. IN: ANAIS DO SIMPÓSIO

BRASILEIRO DE PÓS-GRADUANDOS EM MÚSICA, III SIMPOM, 2014

RODRIGUES, Pedro J. Para uma sistematização do método transcricional guitarrístico [Doutorado em Música], Aveiros-PT: Universidade de Aveiros, 2011.

SANTOS, Lucivan. Presença de Dinorá nos acervos de Mário de Andrade. IN: Revista Instituto Est. Brasileiro, 1995.

SCARDUELLI, Fábio; FIORINI, Carlos F. A obra para violão de Almeida Prado: Um panorama histórico, estético e idomático. Curitiba-PR: IN: I Simpósio acadêmico de violão EMBAP, 2007.

WOLFF, Daniel. Transcribing for Guitar: A comprehensive method. [Tese de Doutorado]. Manhattan School of Music, 1998.

WOLFF, Daniel; ALESSANDRINI, Olinda. Os 5 prelúdios para violão de Heitor Villa-Lobos e a transcrição para piano de José Vieira Brandão: uma análise comparativa. Belo Horizonte-MG, Per Musi N°16, 2007.

Partituras

CARVALHO, Dinorá. Acalanto, Canção para piano e Canto, 1993. Edição particular

_________________. Acalanto, Canção para piano e Canto 1996. Editado por Flávio Carvalho (Ver dissertação

_________________. Água que passa, Canção para piano e Canto, 1972. Editado por Flávio Carvalho

_________________. Banzo, Canção para piano e Canto, 1948. Editado por Flávio Carvalho

_________________. Carmo, Canção para piano e Canto, 1975 Editado por Flávio Carvalho

_________________. Cavalinho de Pixe, Obra para piano solo, Editora Ricordi SAEC, São Paulo, 1963.

_________________. Contemplação, Obra para piano solo, 1963 (composição), Editora Musikverlag Hans Gerig, Koln, Cologne, 1978.

_________________. Coqueiro-Coqueiro-Irá, Canção para piano e Canto, 1948. Editado por Flávio Carvalho

_________________. Epigrama N° 9, Canção para piano e Canto, 1964. Editado por Flávio Carvalho

_________________. Ideti (A menina preta que queria falar com Deus), Canção para piano e Canto, 1970. Editado por Flávio Carvalho

_________________. Num Imbaiá, Canção para piano e Canto, 1960. Editado por Flávio Carvalho

_________________. O Ar, Canção para piano e Canto, 1972. Editado por Flávio Carvalho

_________________. O Fogo, Canção para piano e Canto, 1972. Editado por Flávio Carvalho

_________________. Pássaro Triste, Obra para piano solo, Editora Irmãos Vitale, Rio de Janeiro, 1968.

_________________. Perdão, Canção para piano e Canto, 1960. Editado por Flávio Carvalho

_________________. Pobre Cega, Canção para piano e Canto, 1933. Editado por Flávio Carvalho

_________________. Pobre Cega, Obra para violão solo. Editora Irmãos Vitale, Rio de Janeiro, 1963.

_________________. Signal da Terra, Canção para piano e Canto, 1948.

_________________. Solidão, Obra para piano solo, Editora Ricordi, São Paulo, 1968.

_________________. Tema e Onze Variações, Obra para piano solo, Editora Arthur Napoleão ltda, Rio de Janeiro, 1967.

_________________. Uai-Ni-Mim, Canção para piano e Canto, 1973. Editado por Flávio Carvalho

VILLA-LOBOS, Heitor. Pobre Cega, para piano solo pertencente à obra Guia Prático, 1926 (composição). Editora Academia Brasileira de Música, 2009.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


© 2020 Revista Vórtex | Vortex Music Journal