O Impacto Estético da Loudness War na Discografia do Angra

Autores

Palavras-chave:

Angra, Loudness War, Produção Musical, Mixagem, Masterização

Resumo

O presente trabalho propõe-se a analisar o impacto estético da loudness war na discografia do Angra, averiguando como ela afetou os álbuns da banda (quanto à equalização, compressão e limitação), o reflexo de tais fatores na experiência estética da audição, e a possibilidade de que o Angra tenha incorporado características dela decorrentes à sua proposta estética nos álbuns lançados no período pós-streaming. Em conjunto à audição do material e análise das waveforms, a metodologia, inspirada em Deruty e Tardieu (2014), consiste na mensuração e análise de true peak, RMS, pico a RMS, e loudness dos nove álbuns de estúdio do Angra. Como conclusão, apresentam-se algumas evidências do alinhamento da discografia do Angra à loudness war, com devidas ressalvas, abordando questões psicoacústicas, timbrísticas e estilísticas; e apontam-se indícios de que o Angra incorporou no pós-streaming características estéticas dela decorrentes, especificando quais foram tais características.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Lucas Antunes Mesquita, Universidade Federal de Uberlândia (UFU)

Lucas Antunes Mesquita é Mestre em Música pela UFU (2020) com trabalho focado em produção musical. Possui Licenciatura em Música com habilitação em Violão pela UFU (2017). Atua como músico e produtor musical no Âmbar Estúdio (https://www.instagram.com/ambaraudioestudio) em Uberlândia/MG.

Carlos Roberto Ferreira Menezes Júnior, Universidade Federal de Uberlândia (UFU)

Carlos Roberto Ferreira de Menezes Júnior é docente adjunto dos cursos de graduação e pós-graduação em música da Universidade Federal de Uberlândia atuando na área de música popular (harmonia, arranjo e história) e na área de música e novas tecnologias. Doutor em música pela ECA/USP na área de processos de criação musical. Mestre na área de inteligência artificial / computação sônica pela UFU (conclusão em julho de 2007). Possui graduação em Bacharelado em Violão e Licenciatura Plena em música pela UFU (2003). Coordenador do laboratório de produção musical da UFU. Fundador e integrante do quarteto vocal VagaMundo, que completa 25 anos de existência em 2022.

Referências

ABRAMUS. ISRC – O Que é e Como Adquirir o Sistema. Disponível em: <https://www.abramus.org.br/musica/isrc/>. Acesso em: 30 set. 2020a.

________. Produtor Musical X Produtor Fonográfico: Quais As Diferenças? Disponível em: <https://www.abramus.org.br/noticias/15238/produtor-musical-x-produtor-fonografico-quais-as-diferencas/>. Acesso em: 30 set. 2020b.

ANGRA. Angels Cry. Rock Brigade, 1993. CD.

______. Aurora Consurgens. Rakibitlou Music, 2006. CD.

______. Aqua. Voice Music, 2010. CD.

______. Biografia. Disponível em: <http://angra.net/ws/biografia/#biografia>. Acesso em 30 mar. 2020.

______. Fireworks. Paradoxx Music, 1998. CD.

______. Holy Land. Rock Brigade, 1996. CD.

______. ØMNI. Cidade: Shinigami Records, 2018. CD.

______. Secret Garden. Universal Music, 2014. CD.

______. Temple of Shadows. Rakibitlou Music, 2004. CD.

______. Rebirth. Paradoxx Music, 2001. CD.

DERUTY, Emmanuel. ‘Dynamic Range’ & The Loudness War, 2011. Disponível em: <https://www.soundonsound.com/sound-advice/dynamic-range-loudness-war>. Acesso em: 2 mar. 2018.

DERUTY, Emmanuel; TARDIEU, Damien. About Dynamic Processing in Mainstream Music. Journal of the Audio Engineering Society. Paris, p. 42-55. jan. 2014.

FLETCHER, Henry; MUNSON, Wilden. Loudness, its definition, measurement and calculation. Journal of the Acoustical Society of America 5. p. 82-108. 28 ago. 1933.

FRITH, Simon; ZAGORSKI-THOMAS, Simon. The Art of Record Production: An Introductory Reader for a New Academic Field. 2. ed. - New York: Routledge, 2016.

ITU. Recommendation ITU-R BS.1770-0: Algorithms to measure audio programme loudness and true-peak audio level, 2006.

___. Recommendation ITU-R BS.1770-4: Algorithms to measure audio programme loudness and true-peak audio level, 2015.

KATZ, Bob. Mastering Audio: The art and the Science. Focal Press; 1. ed. 2002.

LOUDWIRE. Top 25 power metal albums of all time. Disponível em: <https://loudwire.com/top-power-metal-albums-all-time/>. Acesso em: 25 jun. 2020.

MOLINA, Sérgio. Música de Montagem: a composição de música popular no pós-1967. 1. Ed. - São Paulo: É Realizações, 2017.

MORIN, Edgar. Introdução ao pensamento complexo. Tradução Eliane Lisboa. 5. ed. - Porto Alegre: Sulina, 2015. 120 p.

NUNZIO, Mário Augusto O. Del. Angra, 2006. Disponível em: <https://whiplash.net/materias/biografias/038602-angra.html>. Acesso em: 30 jun. 2020.

OWSINSKI, Bobby. The Mastering Engineer’s Handbook. 2. Ed. – Thomson Course Technology, 2008.

PINHEIRO, Antonio; CRIVELARO, Marcos. Conforto Ambiental: Iluminação, Cores, Ergonomia, Paisagismo e Critérios para Projetos. São Paulo: Érica, 2014

ROBJOHNS, Hugh. The End of Loudness War? 2014. Disponível em: <https://www.soundonsound.com/techniques/end-loudness-war>. Acesso em: 2 mar. 2018.

ROEDERER, Juan G. Introdução à Física e Psicofísica da Música. Tradução Alberto Luis da Cunha. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 1998.

ROSA, Gilberto Assis; MANZOLLI, Jônatas. Complexidade e criatividade no processo de produção musical em estúdio: uma perspectiva sistêmica. Opus, v. 25, n. 3, p. 50-65, set./dez. 2019.

SPOTIFY. How does Spotify calculate loudness? Disponível em: <https://artists.spotify.com/faq/mastering-and-loudness#how-does-spotify-calculate-loudness>. Acesso em: 30 set. 2020.

VALLE, Sólon do. Microfones. 2. ed. Rio de Janeiro: Música e Tecnologia, 2002.

WHITE, Paul. War Is Over! 2014. Disponível em: <https://www.soundonsound.com/people/war-over>. Acesso em 2 mar. 2018.

Downloads

Publicado

29.09.2022

Como Citar

Mesquita, L. A., & Menezes Júnior, C. R. F. (2022). O Impacto Estético da Loudness War na Discografia do Angra. Revista Vórtex, 10(2), 1–35. Recuperado de https://periodicos.unespar.edu.br/index.php/vortex/article/view/6822

Edição

Seção

Dossiê “55 anos de Sgt. Pepper´s Lonely Hearts Club Band”