MANIFESTAÇÕES DE ACADÊMICAS DE UM CURSO DE PEDAGOGIA SOBRE O SENTIDO DO ENSINO DE MATEMÁTICA

Autores

Resumo

Esta é uma pesquisa qualitativa que teve como objetivo estabelecer compreensões acerca dos sentidos que estudantes de um curso de Pedagogia atribuem ao ensino de Matemática. Para tal, foram entrevistadas alunas que cursam Pedagogia, com o intuito de responder a seguinte questão de investigação: Que sentidos estudantes de um Curso de Pedagogia atribuem ao ensino de Matemática? O aporte teórico baseou-se na noção da relação com o saber.  Os dados foram coletados por meio de entrevistas semiestruturadas, as quais foram gravadas em áudio e, posteriormente, foram transcritas. As análises foram feitas conforme a Análise Textual Discursiva (ATD). Primeiramente, buscou-se nas transcrições das entrevistas as características das dimensões epistêmica, pessoal e social da relação dos sujeitos com o saber matemático. Na sequência, foram utilizadas as características encontradas nessas dimensões para constituir os núcleos de sentido da relação das estudantes com a Matemática. Neste processo, foram identificados os núcleos de sentido da retroalimentação positiva e da retroalimentação negativa, os quais estruturaram os relatos referentes à relação dos sujeitos com a Matemática. A partir destes núcleos de sentido, foram desenvolvidas reconstruções históricas da relação dos sujeitos com a Matemática, processo este que originou um novo núcleo de sentido, denominado de núcleo de sentido do ensino. Tal núcleo diz respeito às crenças, afinidades, receios, expectativas e dificuldades que envolvem o ensino de Matemática, segundo os sujeitos da pesquisa. As análises proporcionaram a compreensão dos motivos que levaram os sujeitos à escolha da docência, suas respectivas relações com a Matemática e a implicação dessas relações nas expectativas dos sujeitos exercerem a docência.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ARRUDA, S. M.; PASSOS, M. M. Instrumentos para a análise da relação com o saber em sala de aula. Revista do Programa de Pós-Graduação em Ensino, Cornélio Procópio, v. 1, n. 2, p. 95-115, 2017. Disponível em: http://seer.uenp.edu.br/index.php/reppe/article/view/1213/811. Acesso em: 20 de maio de 2021.

BOGDAN, R.; BIKLEN, S. Investigação Qualitativa em Educação: Uma introdução

à teoria e aos métodos. Porto: Porto Editora, 1994.

BRASIL. Conselho Nacional de Educação. Diretrizes Curriculares Nacionais Para o Curso de Pedagogia. Parecer CNE/CP n. 5 de 13 de dezembro de 2005. Brasília, 2005. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/cne/arquivos/pdf/pcp05_05.pdf. Acesso em: 28 nov. 2020.

CHARLOT, B. Da relação com o saber: elementos para uma teoria. Porto Alegre: Artmed, 2000.

CHARLOT, B. Relação com o saber, formação de professores e globalização: questões para a educação hoje. Porto Alegre: Artmed, 2005.

CURI, E. Formação de professores polivalentes: uma análise dos conhecimentos para ensinar Matemática e das crenças e atitudes que interferem na constituição desses conhecimentos. Tese (Doutorado em Educação Matemática) Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2004.

D’AMORE, B.; FANDIÑO PINILLA, M. I. Un acercamiento analítico al “triángulo de la didáctica”. Educación Matemática, v. 14. n. 1, p. 48-61, 2002. Disponível em: http://funes.uniandes.edu.co/13019. Acesso em: 20 de maio de 2021.

GATTI, B. A.; BARRETO, E. S. S.; ANDRÉ, M. E. D. A. Políticas Docentes no Brasil – um estado da arte. Brasília: UNESCO, 2011.

GOMES, M. G. Obstáculo epistemológicos, obstáculos didáticos e o conhecimento Matemático nos cursos de formação de Professores das séries iniciais no Ensino Fundamental. Contrapontos - ano 2 - n. 6 - p. 423-437 - Itajaí, set./dez. 2002. Disponível em: http://www6.univali.br/seer/index.php/rc/article/view/181. Acesso em: 20 de maio de 2021.

HERMANN, W.; PASSOS, M. M.; ARRUDA, S. M. Modelos representativos de um sistema didático e a criação de um instrumento para analisar a relação com o saber matemático. Acta Scientiae, Canoas, v. 19, n. 6, p. 902-923, 2017. Disponível em: http://www.periodicos.ulbra.br/index.php/acta/article/view/3048. Acesso em: 20 de maio de 2021.

HERMANN, W. Sentidos atribuídos por estudantes de um Curso de Licenciatura em Matemática para as relações que desenvolveram com a Matemática ao longo de suas vidas. 2018. 184 f. Tese (Doutorado em Ensino de Ciências e Educação Matemática) – Centro de Ciências Exatas, Universidade Estadual de Londrina, Londrina, 2018. Disponível em: http://www.bibliotecadigital.uel.br/document/?code=vtls000223865. Acesso em: 20 de maio de 2021.

HERMANN, W.; PASSOS, M. M; ARRUDA, S. M. Dimensões e propriedades da relação com o saber: o desenvolvimento de um sistema de sentidos. Revista de Estudos de Cultura, São Cristóvão (SE). n. 14, p. 26-43, mai./ago. 2019. Disponível em: https://seer.ufs.br/index.php/revec/article/view/13249. Acesso em: 20 de maio de 2021.

HERMANN, W.; JUVANELLI, C.; FERREIRA, P. R. P. A.; COQUEIRO, V. S.; PASSOS, M. M. O currículo matemático de um curso de formação de docentes e as manifestações dos alunos: algumas contradições. Revista Paranaense de Educação Matemática, Campo Mourão, Pr, v.8, n.17, p.149-177, jul.-dez. 2019. Disponível em: http://revista.unespar.edu.br/index.php/rpem/article/view/622. Acesso em: 20 de maio de 2021.

MORAES, R.; GALIAZZI, M. C. Análise textual discursiva. Ijuí: Unijuí, 2011.

NACARATO, A. M.; MENGALI, B. L. D. S.; PASSOS, C. L. B. A Matemática nos anos iniciais do ensino fundamental: tecendo fios do ensinar e do aprender. Belo Horizonte: Autêntica, 2015.

ORTEGA, E. M. V. A construção dos saberes dos estudantes de Pedagogia em relação à Matemática e seu ensino no decorrer da formação inicial. 164 f. Tese (Doutorado). Faculdade de Educação, Universidade de São Paulo, 2011.

PASSMORE, J. Filosofía de la enseñanza. México: Fondo de Cultura Económica, 1983.

TARDIF, M. Saberes docentes e formação profissional. Petrópolis: Vozes, 2002.

TARDIF, M. Os gregos antigos e a fundação da tradição educativa ocidental. In: GAUTHIER, C.; TARDIF, M. A pedagogia: teorias e práticas da antiguidade aos nossos dias. Petrópolis: Vozes, 2013. p. 15-48.

Downloads

Publicado

06-06-2022

Como Citar

Ferreira, P. R. P. A. ., Hermann, W., & Coqueiro, V. dos S. (2022). MANIFESTAÇÕES DE ACADÊMICAS DE UM CURSO DE PEDAGOGIA SOBRE O SENTIDO DO ENSINO DE MATEMÁTICA. REVISTA PARANAENSE DE EDUCAÇÃO MATEMÁTICA, 11(24), 214–243. Recuperado de https://periodicos.unespar.edu.br/index.php/rpem/article/view/6709

Edição

Seção

Artigos Científicos