O PIBID DE GEOGRAFIA E A EDUCAÇÃO AMBIENTAL: PROPOSTA DA TRILHA DOS “GEOSABERES”

Alcimara Aparecida FOESTCH, Helena Edilamar Ribeiro Buch, Paulo Sérgio Meira Rocha

Resumo


O presente artigo objetiva expor a proposta intitulada “Trilha dos GEOSaberes” construída pelo Subprojeto de Geografia da UNESPAR – Campus de União da Vitória e que consiste em uma discussão acerca da Educação Ambiental e na proposição de uma série de trabalhos teóricos e práticos acerca destas temáticas. Justificamos esta elaboração na necessidade de se discutir a Educação Ambiental em todos os níveis e modalidades de ensino, sobretudo, nos cursos de Licenciatura que objetivam formar educadores. Neste sentido, propomos uma discussão teórica pautada em uma análise da legislação e das concepções teóricas associadas a uma proposição prática construída pelos bolsistas. Os nove pontos que compõe a Trilha dos GEOSaberes vão desde o surgimento do universo até questões contemporâneas do povo brasileiro e combinam uma abordagem conceitual centrada em autores clássicos da Geografia com uma proposição lúdica para dinamizar o aprendizado.

Palavras-chave


PIBID, Educação Ambiental, Geografia, Teoria, Prática.

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL. Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Ambiental, 2013. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/dmdocuments/publicacao13.pdf

CALLAI, H. C. Estudar o lugar para compreender o mundo. In: CASTROGIOVANNI, A. (Org.). Ensino de Geografia: práticas e textualizações no cotidiano. Porto Alegre: Mediação, 2009. (p. 83-134).

CALLAI, H. C. Projetos interdisciplinares e a formação do professor em serviço. In: PONTUSCHKA, N. N.; OLIVEIRA, A. U. de. Geografia em perspectiva: ensino e pesquisa. (Org.). São Paulo: Contexto, 2002. (p. 255-259).

CARNEIRO, S. M. M. A dimensão ambiental da educação geográfica. In: Revista Educar. Nº19. Curitiba: Editora da UFPR, 2002. (p. 39-51).

CAVALCANTI, L. de S. Geografia, escola e construção de conhecimentos. Campinas, SP: Papirus, 1998. – (Coleção Magistério: Formação e Trabalho Pedagógico).

CAVALCANTI, L. de S. Geografia e Práticas de Ensino. Goiânia: Alternativa, 2002.

DIAS, G. F. Educação Ambiental: Princípios e Práticas. 2. ed. São Paulo: Gaia, 1993.

GONÇALVES, C. W. P. Formação sócio-espacial e questão ambiental no Brasil. In: BECKER, B.; CHRISTOFOLETTI, A.; DIVIDOVICH, F. R.; GEIGER, P. P. Geografia e Meio Ambiente no Brasil. 3. ed. São Paulo: Annablume, 2002. (p. 309-333).

KAERCHER, N. A. Geografizando o jornal e outros cotidianos: práticas em Geografia para além do livro didático. In: CASTROGIOVANNI, A. (Org.). Ensino de Geografia: práticas e textualizações no cotidiano. Porto Alegre: Mediação, 2009. (p. 135-169).

LEFF, E. Saber ambiental: sustentabilidade, racionalidade, complexidade, poder. Petrópolis: Vozes, 2001.

LEFF, E. Epistemologia Ambiental. Tradução de Sandra Valenzuela. 5.ed. São Paulo: Cortez, 2010.

LOUREIRO, C. F. B. Trajetória e Fundamentos da Educação Ambiental. São Paulo: Cortez, 2004.

MAZZOTTI, T. B. Representação social de "Problema Ambiental": Uma contribuição a Educação Ambiental. UFRJ: Universidade Federal do Rio de Janeiro, 1997.

MENDONÇA, F. de A. Geografia e Meio Ambiente. São Paulo: Contexto, 2004.

MORALES, A. G. M.; HINSCHING, M. A. de O. Fundamentos teórico-metodológicos para a formação de profissionais educadores ambientais: uma reflexão diante de experiências nos Campos Gerais. In: PARANÁ. Educação Ambiental na Escola. Curitiba: SEED/PR, 2010.

MOREIRA, R. Velhos temas, novas formas. In: MENDONÇA, F.; KOZEL, S. (Orgs.) Elementos de epistemologia da Geografia Contemporânea. Curitiba: Editora da UFPR, 2009. (p. 47-62).

OLIVEIRA, L. de. O ensino/aprendizagem de Geografia nos diferentes níveis de Ensino. In: PONTUSCHKA, N. N.; OLIVEIRA, A. U. de. Geografia em perspectiva: ensino e pesquisa. (Org.). São Paulo: Contexto, 2002. (p. 217-231).

PEREIRA, D. Geografia escolar: Conteúdos e/ou objetivos? Caderno Prudentino de Geografia (17). Presidente Prudente: AGB, jul. 1995.

REIGOTA, M. Meio Ambiente e Representação Social. São Paulo: Cortez, 1995.

ROSS, J. L. S. Ecogeografia do Brasil: subsídios para planejamento ambiental. São Paulo: Oficina de textos, 2009.

SANTOS, M. Técnica, Espaço, Tempo: Globalização e meio técnico-científico. São Paulo: HUCITEC, 1994.

SATO, M. Educação ambiental. São Carlos: RIMA, 2003.

SPÓSITO, M. E. As diferentes propostas curriculares e o livro didático. In: PONTUSCHKA, N. N.; OLIVEIRA, A. U. de. Geografia em perspectiva: ensino e pesquisa. (Org.). São Paulo: Contexto, 2002. (p. 297-311).


Apontamentos

  • Não há apontamentos.