A BNCC em evidência: Aproximações do currículo com a proposta de Tyler e a Pedagogia das Competências

Polyana Zwirtes, Maridelma Laperuta Martins

Resumo


A Base Nacional Comum Curricular, ou BNCC, tornou-se o currículo oficial e obrigatório no Brasil. Afim de compreendê-la, o trabalho objetivou analisá-la verificando aproximações com as teorias curriculares de Tyler e debater a proposta da Pedagogia das Competências. A pesquisa tem cunho qualitativo, pois se preocupa com a compreensão do documento, e os procedimentos compreendem a análise de conteúdo documental, pois se adequa ao objeto analisado. Constatando as aproximações com a proposta de Tyler, observou-se que a BNCC está voltada para a melhoria das avaliações em larga escala, para o eficientismo e o atendimento aos interesses do mercado. Quando à Pedagogia das Competências, ressaltou-se a formação para o mercado de trabalho, para a manutenção do status quo e para a aceitação das condições de vida e trabalho dos indivíduos.


Texto completo:

35-52

Referências


BRASIL. Base Nacional Comum Curricular. 2018. Disponível em: < http://basenacionalcomum.mec.gov.br/> Acesso em: 20/01/2019.

DUARTE, Newton. O debate contemporâneo das teorias pedagógicas. In: MARTINS, Lígia Marcia. DUARTE, Newton. (orgs). Formação de professores: limites contemporâneos e alternativas necessárias [online]. São Paulo: Editora UNESP; São Paulo: Cultura Acadêmica, 2010.

FERNANDES, Claudia de Oliveira. Avaliação, currículo e suas implicações: Projetos de sociedade em disputa. In: Revista Retratos da Escola, vol. 9, n. 17. Brasília, 2015. Disponível em:

GERHARDT, Ana Flávia Lopes Magela. Concepções de aprendizagem na BNCC: Bases ideológicas e efeitos no ensino de português. In: GERHARDT, Ana Flávia Lopes M. AMORIM, Marcel Alvaro de. (orgs). A BNCC e o ensino de línguas e literatura. Campinas: Pontes Editores, 2019.

LOPES, Alice Casimiro. MACEDO, Elizabeth. O pensamento curricular no Brasil. In: LOPES, Alice Casimiro. MACEDO, Elizabeth. (orgs). Currículo: debates contemporâneos. São Paulo: Cortez, 2010.

LOPES, Alice Casimiro. MACEDO, Elizabeth. Teorias de Currículo. São Paulo: Cortez, 2011.

MALANCHEN, Julia. A Pedagogia Histórico-Crítica e o Currículo: para além do multiculturalismo das políticas curriculares nacionais. Tese (Doutorado em Educação Escolar). Araraquara: Universidade Estadual Paulista, 2014.

MOREIRA, Antonio Flavio Barbosa. O campo do currículo no Brasil: os anos noventa. In: CANDAY, V. M. (ED.). Didática, currículo e saberes escolares. Rio de Janeiro: DP&A, 2000.

PEÇANHA, Valéria L. Pedagogia das competências: A nova diretriz da formação escolar na sociedade capitalista. In: Anais da XII Jornada do HISTEDBR e X Seminário de Dezembro. Caxias, MA: HISTEDBR-MA / CESC, 2014.

RAMOS, Marise Nogueira. A pedagogia das competências: autonomia ou adaptação? 3ª edição. São Paulo: Cortez, 2006.

SILVA, Tomaz Tadeus da. Documentos de identidade: uma introdução às teorias do currículo. 2ª edição. Belo Horizonte: Autêntica, 2001.

TÍLIO, Rogério. A Base Nacional Comum Curricular e o contexto brasileiro. In: GERHARDT, Ana Flávia Lopes M. AMORIM, Marcel Alvaro de. (orgs). A BNCC e o ensino de línguas e literatura. Campinas: Pontes Editores, 2019.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.