CARTA DE DESCARTES A POLLOT

sobre o “excellent esprit” da Senhora Princesa da Boêmia (6 de outubro de 1642)

Autores

  • Rafael Teruel Coelho Universidade de São Paulo

Palavras-chave:

Descartes, Elisabeth da Boêmia, Alphonse Pollot

Resumo

Nesta breve carta endereçada a Pollot, pode-se ler a primeira menção de Descartes à Senhora Princesa da Boêmia, Elisabeth Simmern van Pallandt. Trata-se de um documento interessante, no qual o filósofo das ideias claras e distintas revela seu genuíno afeto por Elisabeth da Boêmia, sobretudo por ela ser uma princesa interessada por escritos de metafísica e, inclusive, por ter lido suas Meditações. Estamos diante do início de uma relação epistolar, filosófica e verdadeiramente amistosa, que irá perdurar até a morte de Descartes, o que se deu no ano de 1650, em Estocolmo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rafael Teruel Coelho, Universidade de São Paulo

Doutorando em História da Filosofia Moderna pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo (FFLCH-USP). E-mail: rafael_unespmarilia@hotmail.com

Referências

Descartes a Pollot - 6 Out 1642. In: Oeuvres de Descartes. Vol. III - Correspondance. Organização por Charles Adam & Paul Tannery. Paris: Librairie Philosophique J. Vrin, pp. 660-2, 1996 (AT III 577-578).

Downloads

Publicado

2022-07-26

Como Citar

Coelho, R. T. (2022). CARTA DE DESCARTES A POLLOT: sobre o “excellent esprit” da Senhora Princesa da Boêmia (6 de outubro de 1642). Revista Paranaense De Filosofia, 2(1), 252–255. Recuperado de https://periodicos.unespar.edu.br/index.php/rpfilo/article/view/4750

Edição

Seção

Traduções