CORPO, IMAGEM E REPRESENTAÇÃO ICÔNICA NA LINGUAGEM DO VIDEOCLIPE

Autores

Resumo

Neste artigo, apresento uma possibilidade analí­tica do í­cone cinético, ou seja, do corpo em movimento no videoclipe – signagemvideográfica contemporânea – alicerçada pelos pressupostos da Teoria Geral do Signos de Charles Sanders Peirce. Enquanto signagem hí­brida, o videoclipe será apresentado em suas instâncias relacionais das três matrizes de linguagens, a visual, a sonora e a verbal que se entretecem na construção de sentido por meio da ação sí­gnica. Tomo comocorpusde análise, o videoclipePower(2010) do cantor estadunidense,Kanye West, dirigido pelo cineasta Marco Brambilla. Além da semiótica peirceana, procuro embasamento nas concepções teóricas de Décio Pignatari, Lúcia Santaella e Denise Azevedo Duarte Guimarães, com o objetivo de explicar o argumento de que ocorre, neste objeto de estudo em particular, uma espécie detradução icônica, aproximando-o, pela intervenção do paradigma pós-fotográfico, do conceito de videoarte multimidiática, propí­cio à intervenção e instauração de novas significações.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Cristiane do Rocio Wosniak, Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR) e Universidade Federal do Paraná (UFPR)

É Doutora e Mestra em Comunicação e Linguagens - linha de pesquisa em Estudos de Cinema e Audiovisual (UTP). Especialista em Artes-Dança (FAP-PR) e bacharel e licenciada em Dança (PUC-PR). É vice-coordenadora do Programa de Mestrado em Cinema e Artes do Ví­deo e docente adjunta do curso de Bacharelado em Cinema e Audiovisual da Universidade Estadual do Paraná (Unespar) - campus de Curitiba II/Faculdade de Artes do Paraná. É membro doGP Kinedária – Arte, Poética, Cinema, Ví­deo, vinculado ao Mestrado em Cinema e Artes do Ví­deo (Unespar/CNPq) e membro doGP ELiTe –Laboratório de Estudos em Educação Performativa, Linguagem e Teatralidades, vinculado ao Programa de Pós-Graduação em Educação (UFPR/CNPq). É docente colaborado do Programa de Pós-Graduação em Educação (Mestrado e Doutorado) da UFPR. Atua como coreógrafa da Téssera Companhia de Dança da UFPR.

Referências

BELLOUR, Raymond. Entre-imagens: foto, cinema, ví­deo. Campinas-SP: Papirus, 1990.

GUIMARíES, Denise Azevedo Duarte. Comunicação tecnoestética nas mí­dias audiovisuais. Porto Alegre: Sulina, 2007.

NÖTH, Winnfried. Panorama da semiótica: de Platão a Peirce. 3ª ed. São Paulo: Annablume, 2003.

PLAZA, Júlio e TAVARES, Mônica. Processos criativos com os meios eletrônicos: poéticas digitais. São Paulo: Hucitec, 1998.

PEIRCE, Charles Sanders. Collected Papers of Charles Sanders Peirce. 8 volumes. Cambridge, Massachussets: The Belknap Press of Harvard University, 1978.

PEIRCE, Charles Sanders. Escritos Coligidos. Sel. e trad. Armando Mora d"™Oliveira e Sérgio Pomerangblum. 1ª ed. Col. Os Pensadores, vol. XXXVI. São Paulo: Abril Cultural, 1974.

PIGNATARI, Décio. Semiótica e literatura: icônico e verbal, Oriente e Ocidente. São Paulo: Cortez & Moraes, 1979.

PIGNATARI, Décio. Informação, linguagem, comunicação. São Paulo: Ateliê Editorial, 2002.

PIGNATARI, Décio. Contracomunicação. 3ª ed. Cotia: Ateliê Editorial, 2004.

POWER. Performed by Kanye West. Direção de criação Marco Brambilla. New York: ARTJAIL, 2010. 1 videoclipe (01:40 min), youtube. Disponí­vel em: <http://www.youtube. com/watch?v=L53gJP-TtGE>. Acesso em: 27 abr. 2019.

SANTAELLA, Lúcia e NÖTH, Winfried. Imagem: cognição, semiótica, mí­dia. São Paulo: Iluminuras, 2001.

SANTAELLA, Lúcia. Matrizes da linguagem e pensamento: sonora, visual, verbal. São Paulo: Iluminuras, 2001.

SANTAELLA, Lúcia. Semiótica aplicada. São Paulo: Thomson Learning, 2002.

SANTAELLA, Lúcia. A teoria geral dos signos: como as linguagens significam as coisas. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2004.

SANTAELLA, Lúcia. Percepção: fenomenologia, ecologia, semiótica. São Paulo: Cengage Learning, 2012.

WALTHER-BENSE, Elisabeth. A teoria geral do signos. São Paulo: Perspectiva. Coleção Debates n° 164.

TREVISAN, Michele Kapp e JESUS, Rafael de. Lyric ví­deo: uma nova estética de divulgação da música pop. In: Revista Universitária do Audiovisual (RUA). Sessão Panorama. Universidade Federal de São Carlos: PPGCOM. Edição de 15 de julho de 2013. Disponí­vel em: <http://www.rua.ufscar.br>. Acesso em: 28 mai. 2019.

Sites consultados:

<http://www.Youtube.com/watch?v=L53gJP-TtGE>. Acesso em: 24 jul. 2019.

<http://letras.mus.br/kanye-west/1691267/traducao.html>. Acesso em: 19 jul. 2019.

<http://marcobrambilla.com/>. Acesso em: 24 jul. 2019.

Downloads

Publicado

2019-11-27