O HORROR CORPÓREO NA PANDEMIA: UM ESTUDO SOBRE A FUGA ATRAVÉS DA FICÇÃO DO TEATRO DE HORROR

Autores

  • Rosana Moro Universidade Estadual do Paraná

Resumo

O presente artigo tem como objetivo o destrinchamento de uma performance que foi produzida como requisito parcial da avaliação para a disciplina de História da Arte VI do curso de Museologia (EMBAP/UNESPAR). Neste artigo tomo a liberdade de me expressar em quatro papéis, sendo eles o papel da personagem investigada através da performance intitulada "Babel" , o da artista-performer-produtora, o da crí­tica genética investigadora e o da museóloga em formação. Dito isso, apresento, em sua introdução, a proposta da avaliação na qual a ideia inicial foi a de produzir uma performance relacionando corpo e pandemia e então trago a correlação entre esses pontos com a minha produção num geral. Minha proposta foi trazer o horror corporificado e corporal, fazendo uso de conceitos relacionados ao teatro de horror. Como futura museóloga procurei documentar o processo a fim de pensar em uma possí­vel musealização da obra e, ao incorporar o conceito da crí­tica genética, envolvi-me na busca dos significados mais confidenciais que foram trazidos à minha mente desde o iní­cio do processo até o presente momento da escrita e leitura deste artigo, no qual, além da crí­tica genética, também trago como forma de documentar as ações vividas. Aqui me proponho a investigar mais a fundo o meu processo criativo visando uma compreensão da gênese do meu próprio processo artí­stico.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rosana Moro, Universidade Estadual do Paraná

Graduanda em Museologia pela Universidade Estadual do Paraná Campus Curitiba I, foi bolsista de Extensão com o projeto "o fim e o princí­pio". Também foi membro do Colemus (Coletivo de estudantes de Museologia). Atualmente é bolsista de Iniciação Cientí­fica com a pesquisa "Decolonialidade e arte na América Latina: um breve estudo". Faz parte do GAFE (Grupo de estudos de Artes Fora do Eixo) e do GEPPC (Grupo de Estudos e Pesquisa em Patrimônio Cultural). Tecnóloga em Produção Cênica pela Universidade Federal do Paraná (2013). Atuou como bailarina no Curso de Dança Moderna da UFPR (2011 - 2014). Foi bolsista de Extensão na Cia de teatro Palavração da UFPR. Foi bolsista de iniciação í  docência em história da arte e iniciação í  docencia em discursos sobre corpo e voz, ambas pela UFPR.

Downloads

Publicado

30-05-2022

Como Citar

Moro, R. (2022). O HORROR CORPÓREO NA PANDEMIA: UM ESTUDO SOBRE A FUGA ATRAVÉS DA FICÇÃO DO TEATRO DE HORROR. O Mosaico, (22). Recuperado de https://periodicos.unespar.edu.br/index.php/mosaico/article/view/4599