FREDERICO LANGE DE MORRETES (1892-1954) E O MUSEU PARANAENSE

Claudia Inês Parellada

Resumo


O artista plástico e pesquisador do Museu Paranaense Frederico Lange de
Morretes nasceu em 1892 e faleceu, em 1954, depois de uma expedição científica ao litoral paranaense. Importante na história da arte do Paraná, a maioria das instituições públicas regionais possui obras do artista nos acervos, e referência internacional na malacologia. O presente estudo discute os laços entre o Museu Paranaense e o cientista-artista, detalhando aspectos da incorporação de coleções na instituição, especialmente a de 2017.


Palavras-chave: Museu. História da arte. Arte no Paraná. Museologia. História do Paraná.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Contato

Revista Científica / FAP

Rua dos Funcionários 1357 – Cabral

Curitiba - PR - 41 3250-7339 - 41 3250-7301

revistadeartes.fap@unespar.edu.br