Leitura à primeira vista no ensino e aprendizagem do violão clássico

Autores

  • Ricardo Arôxa Universidade Federal da Bahia

Resumo

O violão é um dos instrumentos mais populares e possibilita diversas formas de performance musical. Isso se deve a fatores como sua dupla função como solista e acompanhador; sua capacidade de absorver aspectos de culturas eruditas e populares; utilização de diversas formas de notação; e sua portabilidade. O campo de atuação deste instrumentista exige uma formação que englobe o conhecimento de diversos gêneros musicais, aspectos históricos e estilí­sticos, técnica instrumental consistente e estratégias deliberadas para seu aprendizado. No ensino institucional voltado para o solista, a leitura à primeira vista de partitura se mostra uma ferramenta pedagógica promissora na preparação da performance e inserção do violonista em grupos de câmara. Todavia, sugerimos que o desenvolvimento desta habilidade não tem sido um quesito contemplado com frequência e importância na formação da maioria dos violonistas. A partir de reflexão bibliográfica e empí­rica, o presente trabalho se constitui em um recorte de pesquisa de mestrado em Educação Musical e objetiva discutir questões do ensino tutorial e institucionalizado de música, também conhecido como "modelo conservatorial" , que influenciam no desenvolvimento da habilidade da leitura à primeira vista do violonista.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ricardo Arôxa, Universidade Federal da Bahia

Bacharel em violão (UFBA) e Mestre em Educação Musical (UFPB). Tem atuado como instrumentista, professor e pesquisador. Na produção cientí­fica, tem-se dedicado a escrever sobre temas relacionados í  pedagogia do violão e leitura í  primeira vista.

Downloads

Publicado

30.12.2013

Como Citar

Arôxa, R. (2013). Leitura à primeira vista no ensino e aprendizagem do violão clássico. Revista Vórtex, 1(2). Recuperado de https://periodicos.unespar.edu.br/index.php/vortex/article/view/433

Edição

Seção

Artigos