LUMINÁRIA https://periodicos.unespar.edu.br/index.php/luminaria <p>A revista Luminária é um periódico semestral vinculado ao Centro de Ciências Exatas e Biológicas da Universidade Estadual do Paraná – UNESPAR, campus de União da Vitória. Trata-se de uma revista cientí­fica de caráter interdisciplinar com finalidade de publicar artigos cientí­ficos das diferentes áreas de conhecimento, incluindo as Ciências Exatas e Biológicas. Participam deste periódico cientí­fico pesquisadores de diversas Instituições, sendo que a proposta primordial é oferecer a todos os interessados um espaço para divulgação de suas produções cientí­ficas, com o foco multidisciplinar. A Revista apresenta fluxo contí­nuo para submissão de textos.</p> Unespar, campus de União da Vitória pt-BR LUMINÁRIA 2359-4373 <p>Todas as informações, opiniões, dados, referências, citações e posicionamentos<br />expressos nos textos cientí­ficos publicados são de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores/escritores, cabendo-lhes os elogios, as crí­ticas e as possí­veis conseqüências legais e jurí­dicas.Uma vez aceito para publicação, o autor concorda em ceder os direitos autorais da publicação do texto cientí­fico encaminhado à revista Luminária.</p> Karyotype reexamination of Corydoras paleatus (Siluriformes) and a review of the cytogenetics of genus with a focus on the ribosomal genes https://periodicos.unespar.edu.br/index.php/luminaria/article/view/8078 <p>The subfamily Corydoradinae is the second largest among the callictids, comprising three genera, with <em>Corydoras</em> Lacépède, 1803 being the largest in the number of species. The genus <em>Corydoras</em> has been divided into five groups of species based on differences in diploid number, chromosomal morphology, and DNA content. Chromosome studies can provide crucial details on population differentiation. To better understand the diversification that occurs in this fish group, the current study based on such markers, presents data from a population of <em>Corydoras paleatus</em> from the first plateau of Paraná, putting them in a comparative scenario. The specimens studied has 2n=44 chromosomes with a karyotypic formula of 18m+26sm. Although conserved, this karyotypic structure shows variation in other populations of <em>C. paleatus</em> already studied, a consequence of chromosomal rearrangements that modify the morphology of chromosomes without modifying the 2n, such as centromeric repositioning. C-banding revealed conspicuous pericentromeric markings in metacentric pairs 4 and 8 and in submetacentric pairs 10 and 14, whose bands have been considered a chromosomal marker not only for <em>C. paleatus</em> but also for the genus. Fluorescent in situ hybridization (FISH) showed the major rDNA (45S) in the terminal region of the long arm of metacentric pair 5. Such location has already been described in other populations of <em>C. paleatus</em>, as they have also been mapped in short arms and with multiple patterns. The present study also provides a review of the genus <em>Corydoras</em> regarding the 2n, karyotypic formula and mainly regarding the number and location of the 45S and 5S rDNA, confirming a scenario in which chromosomal rearrangements have been modeling karyotypes of different populations and settling in the absence of gene flow, a consequence of vicariant events that occurred in the different basins.</p> Karla Letícia Ferreira Rafael Bueno Noleto Copyright (c) 2023 2023-10-05 2023-10-05 25 02 10.33871/23594373.2023.25.02.8078 Princípios da iniciação científica em sequencia didática de Ecologia: um estudo de caso com estudantes de graduação em Ciências Biológicas https://periodicos.unespar.edu.br/index.php/luminaria/article/view/7937 <p>Ciência é uma atividade que tem como proposta buscar de forma consistente e pragmática a elaboração de teses fundamentadas e explicativas sobre diversos mecanismos da natureza/sociedade. Para que a ciência seja aplicada e depois compreendida, é necessário lançar mão de diversas ferramentas que auxiliam nesse processo. Uma dessas ferramentas é a criação de metodologias ativas que podem ser mediadores e facilitadores no processo ensino-aprendizagem. Dito isso, o presente estudo teve como objetivo e proposta avaliar o grau de compreensão e entendimento de um grupo de alunos do curso de licenciatura em Ciências Biológicas dentro da temática conceitual em Ecologia. Para tal, foram selecionados 14 alunos,&nbsp; inicialmente inseridos em aulas com abordagens expositivas e dialogadas sobre o tema “Interações Ecológicas”. Após a finalização das aulas, aplicou-se um questionário <em>online </em>elaborado com cinco questões de múltipla escolha que versavam sobre o tema trabalhado durante as aulas. Subsequentemente, foi proposto aos estudantes o desenvolvimento de um experimento replicando possíveis interações ecológicas, objetivando observar na prática os eventos de competição e predação. Após a realização do experimento e observação dos alunos, foi aplicado o mesmo questionário utilizado anteriormente ao início do experimento. Nossos resultados apontaram que houve aumento de acertos no questionário após a realização do experimento, sendo que em termos gerais os acertos do pré-teste foram de 61,4% e no pós-teste, 67,1%. Os resultados majoritários apontados neste estudo demonstraram que, a prática em laboratório, utilizando a modalidade de delineamento experimental e abordagem problematizadora, teve papel agregador e de consolidação do conhecimento prévio estabelecido nas aulas teóricas. Esses resultados também reforçam a hipótese de que aulas interativas como metodologias ativas, associadas à contextualização observacional, podem desempenhar papel fundamental no processo ensino aprendizagem</p> Ana Carolina de Deus Bueno Krawczyk Marcos Otávio Ribeiro Rogério Antonio Krupek Beatriz Wierzbicki Luana Costa Copyright (c) 2023 2023-12-01 2023-12-01 25 02 10.33871/23594373.2023.25.02.7937 Modelagem e análise molecular da enzima Adenosina Desaminase (ADA) do parasito Schistosoma mansoni https://periodicos.unespar.edu.br/index.php/luminaria/article/view/8181 <p>A esquistossomose é uma doença parasitária provocada pelo helminto Schistosoma mansoni e afeta cerca de 240 milhões de pessoas em todo mundo. O tratamento da doença atualmente dá-se pela administração de apenas um fármaco, o praziquantel entretanto, pelo seu uso em massa, diversos casos de&nbsp;&nbsp; resistência do parasita ao fármaco tem sido reportados. Diferente de seu hospedeiro humano, o S. mansoni não possui a via de síntese de purinas, dependendo exclusivamente da via de salvação de purinas para o suprimento dessas bases. Deste modo esta via tem sido citada como alvo potencial para o desenvolvimento de novos fármacos contra a esquistossomose. A adenosina desaminase (ADA) é uma das enzimas dessa via, convertendo a adenosina em inosina e hipoxantina. Uma vez que a estrutura tridimensional dessa enzima não foi resolvida experimentalmente, a modelagem molecular comparativa possibilitou a análise molecular e bioquímica. O estudo foi desenvolvido em etapas: seleção do molde, alinhamento alvo-molde, construção do modelo molecular, avaliação e validação do modelo, análises moleculares. As avaliações do modelo obtido apresentaram qualidade satisfatória e, em comparação com ADA humana foi possível observar substituições de resíduos de aminoácidos no sítio ativo que suportam a investigação da enzima como alvo potencial para desenvolvimento de fármacos através de experimentos de docagem, cinética enzimática e cristalografia de proteínas.&nbsp; &nbsp;</p> Danrlei Leandro Kayser Cassiano Vicente de Lima Carla Andreia Lorscheider Larissa Romanello Copyright (c) 2024 2024-02-27 2024-02-27 25 02 10.33871/23594373.2023.25.02.8181 Expediente v.25;n.02;2023 https://periodicos.unespar.edu.br/index.php/luminaria/article/view/8953 Copyright (c) 2024 2024-03-20 2024-03-20 25 02 Caderno de Resumos do Cesb 2023 https://periodicos.unespar.edu.br/index.php/luminaria/article/view/8506 Marcos Otávio Ribeiro Copyright (c) 2023 2023-12-01 2023-12-01 25 02 10.33871/23594373.2023.25.02.8506