A Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano do estado de São Paulo e o Programa Minha Casa Minha Vida nas pequenas cidades de Promissão/SP e Penápolis/SP

Autores

  • João Vitor Pavoni

Palavras-chave:

Pequenas cidades, Produção do espaço urbano, Políticas habitacionais

Resumo

As políticas habitacionais desenvolvidas pelo Estado brasileiro são fortes vetores de produção do espaço urbano, contribuindo para o acesso à moradia e ao mesmo tempo para o aumento das diferenças socioespaciais. No presente artigo, objetiva-se analisar a implantação das políticas habitacionais da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (Estado de São Paulo) e do Programa “Minha Casa, Minha Vida” nas pequenas cidades de Promissão/SP e Penápolis/SP. Para a realização da pesquisa, foram realizados trabalhos de campo, entrevistas com os gestores locais, coleta de dados relativos à produção habitacional, leitura do referencial teórico específico e mapeamento dos empreendimentos por meio de softwares de geoprocessamento. Como resultados, pôde-se verificar os eixos de expansão urbana das cidades analisadas, considerando as localizações periféricas dos empreendimentos habitacionais construídos, que contribuem para o aumento das distâncias aos equipamentos e serviços urbanos e para processos de diferenciação socioespacial.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2021-06-10