Regularização fundiária e as relações de poder e cultura no reordenamento territorial em pequenas localidades: o caso de Porto Camargo, município de Icaraíma/PR

Autores

  • Evandro Zanini Moura
  • Maria Fatima Menegazzo Nicodem
  • Tarcisio Dorn de Oliveira

Palavras-chave:

Cultura geográfica, Regularização, Pequenas cidades

Resumo

O objetivo deste artigo é apresentar as relações culturais atuais do processo de ocupação histórica ocorrida em pequenas localidades e como essas influenciam o papel que desempenham as instituições utilizando como exemplo a Regularização do Distrito de Porto Camargo, Município de Icaraíma-PR. Está organizado a partir de breve relato histórico da formação do Município de Icaraíma com o seu plano urbanístico, a ocorrência de equívocos, os impactos causados, e a questão cultural do direito de Propriedade. As considerações reforçam a necessidade da implantação da cultura cartográfica sistêmica e periódica para a manutenção do direito de propriedade e redução das tensões sociais causadas por conflitos promovido por informações cartográficas e cadastrais precárias.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2021-05-31