Habitar a Possibilidade de uma Narrativa em Ilya e Emilia Kabakov

Viviane Baschirotto

Resumo


Ilya e Emilia Kabakov criam obras que adentram a um espaço privado dando a ver a biografia, a imparidade, a narrativa de pessoas e personagens e constroem discursividade. O artigo aborda as instalações Ten Characters e The Toilet, reflete sobre a habitação, as possibilidades de narrativa que vão sendo arquitetadas nas obras e sobre as obras. O texto ainda disserta sobre o intérieur a partir de Walter Benjamin, sobre a elaboração de discursividade de uma obra, pensando as obras como um site-specific por meio de Miwon Kwon e sobre os espaços da habitação com Michel Foucault, permeando a utopia e a heterotopia. Para além de criarem a partir de uma realidade existente, Ilya e Emilia Kabakov elaboram obras que dão espaço para a ficção, os sonhos e os devaneios de uma habitação.


Palavras-chave


Artes Visuais; Arte Contemporânea; Intalação; História da Arte

Texto completo:

PDF/A

Referências


BENJAMIN, Walter. Passagens. Belo Horizonte; São Paulo: Ed. UFMG; Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 2006.

BLANCHOT, Maurice. O instante da minha morte. Porto: Campo das letras, 2003.

BINGHAM, Juliet (org.). Not everyone will be taken into the future. Londres: Tate Publishing, 2017.

BOYM, Svetlana. Ilya Kabakov: The Soviet Toilet and the Palace of Utopias. Publicado em 31 de dezembro de 1999. Disponível em: . Acesso em: 16 maio 2018.

DERRIDA, Jacques. Demorar Maurice Blanchot. Florianópolis: Editora UFSC, 2015.

FOUCAULT, Michel. Outros espaços In: ____. Ditos e Escritos III: Estética. Rio de Janeiro, Forense Universitária, 2001.

KABAKOV, Ilya. Catalogue Raisonné, Installations 1983-2000. Vol 1. Düsseldorf: Kunstmuseum Bern, Richter Verlag, 2003.

______. Ten Characters. Londres: ICA, Ronald Feldman Fine Arts Inc., 1989.

KABAKOV, Ilya; KABAKOV, Emilia. Ilya e Emilia Kabakov web-site. Disponível em: . Acesso em: 07 outubro 2019.

KURT Schwitters Archiv im Sprengel Museum Hannover. Disponível em: Acesso em: 07 outubro 2019.

KWON, Miwon. One place after another: Site-specific art and locational identity. Cambridge, London: The Massachusetts Institute of Technology Press, 2002.

ORCHARD, Karin. As plantas espaciais de Kurt Schwitters. In: ORCHARD, Karin et al. Kurt Schwitters 1887/1948 – O artista Merz. São Paulo, Curitiba: Pinacoteca do Estado, Museu Oscar Niemeyer, 2007.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.



R. Sensorium, Curitiba, PR, Brasil, eISSN 2358-0437

Licença Creative Commons
Esta obra foi licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição 3.0 Não Adaptada.

INDEXAÇÕES: DOAJ - MIAR - LATINDEX - DIADORIM