O CONCEITO DE MISE-EN-TECHNOLOGIE

Paulo Roberto Munhoz

Resumo


O presente texto sintetiza o resultado de uma pesquisa de cunho bibliográfico, iconográfico e filmográfico desenvolvida no Doutorado em Comunicação e Linguagens da Universidade Tuiuti do Paraná, por este autor, cuja tese foi defendida e aprovada em março de 2018. Como a tecnologia tem sido considerada acessória e não essencial nos estudos de cinema, este artigo busca destacá-la, considerando que o cinema nasce e se desenvolve através de avanços tecnológicos. São as relações entre linguagens e tecnologias que fundamentam essa atividade. Ora a tecnologia induz a novas linguagens, ora a busca de uma nova linguagem sugere uma nova tecnologia. Ao aprofundar o entendimento dessa relação na realização cinematográfica, tendo como corpus o filme Gravidade (Alfonso Cuarón, 2013), desenvolvi um conceito para a abordagem da tecnologia no campo audiovisual: a ideia de MISE-EN-TECHNOLOGIE, conceito que me parece necessário para a contemporaneidade do fazer e do pensar cinema.
Palavras-chave: Cinema. Tecnologia. Linguagem. Animação. Computação Gráfica.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Contato

Revista Científica / FAP

Rua dos Funcionários 1357 – Cabral

Curitiba - PR - 41 3250-7339 - 41 3250-7301

revistadeartes.fap@unespar.edu.br