EDUCAÇÃO E REALIZAÇÃO CONJUNTA EM CINEMA: UMA EXPERIÊNCIA COM ESTUDANTES SECUNDARISTAS DE CURITIBA

Guilherme Luiz Lourenço Gomez

Resumo


Neste trabalho, apresenta-se relato de experiência e avaliação de atividades em cinema e educação realizadas junto à estudantes secundaristas de Curitiba entre os meses de maio e julho de 2017, em sua maioria do Colégio Estadual Tiradentes. O projeto foi inicialmente elaborado junto à estudantes engajados no movimento de ocupações de escolas ocorrido no segundo semestre de 2016 e teve seu planejamento prévio preparado com base em proposições do autor Alain Bergala na obra A hipótese-cinema, e de atividades dos materiais Inventar com a Diferença (MIGLIONIN, Cezar et. al, 2014) e Minha Vila Filmo Eu (MANCUSO, Bruno Freddi, 2012). No decorrer das atividades, estudantes que não eram engajados no movimento estudantil se aproximaram do projeto, que tomou caminhos diversos do previsto. Foram feitos exercícios cinematográficos, exibições e debates, no final sendo produzido um pequeno filme documentário sobre o tema que emergiu como mais importante para o grupo de estudantes formado: o bullying na escola.


Texto completo:

PDF

Referências


BERGALA, Alain. A hipótese-cinema. 1 ed. Rio de Janeiro: Booklink ; CINEAD-LISE-FE/UFRJ,2008.

MANCUSO, Bruno Freddi. Minha Vila Filmo Eu – Ensinando Cinema na Escola: manual para o professor. Curitiba: Imagens da terra, 2012.

MIGLIONIN, Cezar et. al. Inventar com a diferença: cinema e direitos humanos. Niterói: Editora da UFF, 2014.

PELOSO, Ranulfo (org.). Trabalho de base: seleção de roteiros organizados pelo CEPIS. São Paulo: Expressão Popular, 2012.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Contato

Revista Científica / FAP

Rua dos Funcionários 1357 – Cabral

Curitiba - PR - 41 3250-7339 - 41 3250-7301

revista.mosaico@unespar.edu.br