A fluoretação como estratégia de combate à cárie na saúde pública: uma revisão de literatura

Fabrício Rutz da Silva

Resumo


Com o objetivo de diminuir a incidência de cáries dentárias no país, a saúde pública avançou consideravelmente nas medidas de escala populacional, dando ênfase na fluoretação da água. Porém, é necessário ter um programa de controle dos índices adicionados no abastecimento de água, minimizando e erradicando a fluorose dentária. O objetivo desta revisão literária é analisar e reforçar a importância da fluoretação, levando em consideração a necessidade específica de cada população e oferecendo a equidade, universalidade e integralidade na saúde bucal no Brasil. Nesta revisão da literatura foram utilizados 12 artigos publicados nos períodos entre 2005 – 2015, em quatro bases de dados: Biblioteca Virtual da Saúde, Web of Science, Pubmed e Núcleo de Educação em Saúde Coletiva. “A busca foi realizada por meio dos descritores “fluoretação”, cárie dentária”, “saúde pública” e “saúde escolar”, nos idiomas português, inglês e espanhol. Após a pesquisa, utilizou-se a questão “Qual a importância da fluoretação na saúde bucal no Brasil?”, para seleção dos estudos encontrados. Todos os arquivos publicados no formato de tese e os artigos não disponíveis na íntegra foram excluídos da revisão. Os resultados do estudo foram apresentados em formato de artigo, o qual incluiu seis estudos transversais, três estudos longitudinais, duas análises multinível, um estudo seccional e duas análises literárias que não foram consideradas nesta revisão, por conterem dados secundários. 


Texto completo:

PDF

Referências


Aliança para um Futuro Livre de Cárie. Fluoretação da água. 2015. Disponível em: http://www.aliancaparaumfuturolivredecarie.org/pt/br/technologies/systemic-fluorides/water-fluoridation#.VZCBx9JViko.

Antunes JLF, Peres MA, Mello TRC, Waldman EA. Multilevel assessment of determinants of dental caries experience in Brazil. Community Dentistry Oral Epidemiology. v. 34, p. 146-52, 2006.

Buzalaf MAR, Massaro CS, Rodrigues MHC, Fukushima R, Pessan JP, Whitford GM, Sampaio FC. Validation of fingernail fluoride concentration as a predictor of risk for dental fluorosis. Caries Research. v. 46, p.394-400, 2012.

Buzalaf MAR, Moraes CM, Olympio KPK, Pessan P, Grizzo LT, Silva TL, Magalhães AC, Oliveira RC, Groisman S, Ramires I. Seven years of external control of fluoride levels in the public water supply in Bauru, São Paulo, Brazil. Journal of Applied Oral Science. v. 21, n. 1, p.92-8, 2013.

Mello TRC, Antunes JLF, Waldman EA. Prevalência de cárie não tratada na dentição decídua em áreas urbanas e rurais do Estado de São Paulo, Brasil. Revista Panamericana de Salud Publica. v. 23, n. 2, p. 78-84, 2008.

Ministério da Saúde. Guia de recomendações para o uso de fluoretos no Brasil. 2009. Disponível em: http://cfo.org.br/wp-content/uploads/2010/02/livro_guia_fluoretos.pdf.

Moimaz SAS, Saliba O, Chiba FY, Saliba NA. External control of the public water supply in 29 Brasilian cities. Brazilian Oral Research. v. 26, n.1, 2012; p. 12-8a.

Moimaz SAS, Saliba O, Chiba FY, Sumida DH, Garbin CAS, Saliba NA. Fluoride concentration in public water supply: 72 months of analysis. Brazilian Oral Research. v. 23, n.4, p. 451-6, 2012b.

Portal da Saúde. Brasil Sorridente. 2012. Disponível em: http://dab.saude.gov.br/portaldab/ape_brasil_sorridente.php?conteudo=vigilancia_sanitaria.

Ramires I, Pessan JP, Levy FM, Rodrigues MHC, Almeida BS, Kato MT, Sales Peres SHC, Buzalaf MAR. Prevalence of dental fluorosis in Bauru, São Paulo, Brazil. Journal of Applied Oral Science. v. 15, n. 2, p.140-3, 2007.

Rigo L, Caldas Junior AF, Souza EA, Abegg C, Lodi L. Estudo sobre a fluorose dentária num município do sul do Brasil. Ciência & Saúde Coletiva. v. 15, n. 11, p. 1439-48, 2010.

Rihs LB, Souza MLR, Wada RS. Root caries in areas with and without fluoridated water at the southeast region of São Paulo State, Brazil. Journal Applied Oral Science. v. 16, n. 1, p. 70-4, 2008.

Rihs LB, Silva DD, Souza MLR. Dental caries and tooth loss in adults in a Brazilian southeastern state. Journal Applied Oral Science. v. 17, n. 5, p. 392-6, 2009.

Silva MAM, Lima FRGS, Queiroz JPL, Santos G, Cardoso CE. O teor de fluoretos na água de consumo no ambiente escolar e a perspectiva de controle da cárie dentária. Revista APS (Atenção Primária à Saúde). v. 16, n. 4, p.429-36, 2013.

Tiano AVP, Moimaz SAS, Saliba O, Garbin CAS. Prevalence of enamel White spots and risk factors in children up to 36 months old. Brazilian Oral Research. v. 23, n. 2, p. 216-22, 2009.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.