VIOLÊNCIA DOMÉTICA CONTRA CRIANÇAS E ADOLESCENTES NO ÂMBITO FAMILIAR: A realidade retratada nos dados do CREAS-SENTINELA de Ponta Grossa/PR

Diana Galone Somer, Solange Aparecida de Moraes Barros

Resumo


O objetivo desta pesquisa é analisarmos os dados referentes à violação de direitos de crianças e adolescentes que foram atendidas e levantarmos os principais agentes violador- agressores nos anos de 2009, 2010, 2011 e 2012 pelo Centro de Referência Especializado de Assistência Social CREAS-SENTINELA no contexto de Ponta Grossa – Paraná, verificando prováveis rupturas de vínculo familiar. A comparação desses dados, referente ao agente violador de 2011, com os dados do “Mapa da violência de 2012”, o qual se alude ao ano de 2011, permitirá avançarmos nas discussões. Por meio de uma pesquisa bibliográfica levantaremos possíveis problemas da violência, como as condições estruturais e a existência da “Lei do Silêncio” no âmbito familiar que impossibilita a identificação da violência doméstica. Também serão relacionados os dados internacionais e brasileiros sobre a violência e a carência de coleta de dados pelos profissionais no Brasil. A metodologia também se deu através de estudo documental, através da analise dos formulários do CREAS, e de busca de dados nos Conselhos Tutelares – Leste e Oeste da cidade estudada.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.