Inventário da lepidopterofauna diurna em um fragmento de Floresta Ombrófila Mista de União da Vitória, Paraná

Marcos Alberto Ahlf, Alcemar Rodrigues Martello, André Luis Klein

Resumo


As borboletas são encontradas em vários biomas do Brasil e do mundo, e constituem-se em um grupo muito estudado, dentre vários motivos, por estarem envolvidas em diversas interações ecológicas. A região Sul apresenta vários estudos sobre a lepidopterofauna, porém há locais com nenhum tipo de levantamento realizado. O presente estudo teve como objetivo inventariar a lepidopterofauna diurna em um fragmento de Floresta Ombrófila Mista, no Morro do Cristo, localizado no município de União da Vitória, Paraná. As amostragens ocorreram no período de dezembro de 2016 a maio de 2017 através do método de captura ativa com rede entomológica, totalizando 36 horas/rede. Os espécimes capturados foram transportados até o laboratório de zoologia da Universidade Estadual do Paraná Campus de União da Vitória, onde foram preparados, fixados, identificados utilizando bibliografia especializada e consulta com especialistas. Foram coletados 43 indivíduos, distribuídos em 31 espécies de borboletas. Destes, 27 (62,8%) pertencem a família Nymphalidae, 9 (20,9%) são Hesperiidae, 3 (7%) Papilionidae e 4 (9,3%) Pieridae. Do total de 31 espécies identificadas, 64,5% são Nymphalidae, 19,3% Hesperiidae, 9,7 Papilionidae e 6,5% Pieridae. Os resultados obtidos, portanto, são de grande importância para subsidiar estudos futuros sobre a fauna local e suas inter-relações ambientais, bem como, para complementar os dados sobre os padrões de distribuição deste grupo na região Sul do Brasil.

Texto completo:

PDF

Referências


BACKES, A. Dinâmica do pinheiro-brasileiro. Iheringia, série Botânica, n.30, p.49-84, 1983.

BAZ, A.; BOYERO, A. G. The effects of forest fragmentation on butterfly communities in Central Spain. Journal of Biogeography, v. 22, p. 129-140, 1995.

BOGIANI, P. A.; ARANDA, R.; MACHADO, C. O. F. Riqueza de borboletas (lepidoptera) em um fragmento urbano de cerrado em Mato Grosso do Sul, Brasil. EntomoBrasilis, v. 5, n. 2, p. 93-98, 2012.

BROWN Jr., K. S. Conservation of neotropical environments: insects as indicators. London: Academic Press, 1991.

BROWN Jr., K. S.; FREITAS, A. V. L. Lepidoptera. In: Biodiversidade do estado de São Paulo. FAPESP. 1999.

BROWN Jr, K. S.; FREITAS, A. V. L. Atlantic forest butterflies: indicators for landscape conservation. Biotropica, v. 32, n. 4b, p. 934-956, 2000.

CARVALHO, A. P. S.; MORAIS, A. B. B. Borboletas associadas a ambientes de restinga no extremo sul do Brasil (Lepidoptera: Papolionoidea). Rio Grande, Rio Grande do Sul, Brasil. SHILAP Revista Lepidoptera, v. 43, n. 171, p. 349-363, 2015.

CRUDEN, R. W.; HERMANN-PARKER, S. M. Butterfly pollination of Caessalpinia pulcherrima with observations on a psychophilous syndrome. Journal of ecology, v. 67, p. 155-168, 1979.

DESSUY, M. B.; MORAIS, A. B. B. Diversidades de Borboletas (Lepidoptera, Papolionoidea e Hesperioidea) em fragmentos de Floresta Estacional Decidual em Santa Maria, Rio Grande do Sul, Brasil. Revista Brasileira de Zoologia, v. 24, n. 1, p. 108-120, 2007.

DINIZ, I. R.; MORAIS, H. C. Larvas de Lepidoptera e suas plantas hospedeiras em um cerrado de Brasília, Distrito Federal, Brasil. Revista Brasileira de Entomologia, v. 39, p. 755-770, 1995.

DINIZ, I. R.; MORAIS, H. C. Lepidopteran caterpillar fauna of cerrado host plants. Biodiversity and Conservation, v. 6, p. 817–836, 1997.

DOLIBAINA, D. R.; MIELKE, O. H. H.; CASAGRANDE, M. M. Borboletas (Papilionoidea e Hesperioidea) de Guarapuava e arredores, Paraná, Brasil: um inventário com base em 63 anos de registros. Biota Neotropica, v. 11, n. 1, p. 341-354, 2011

EHRLICH, P. R. The comparative morphology, phylogeny and higher classification of the butterflies (Lepidoptera: Papilionidea). Univ Kansas Sci. Bull. v. 39, p. 305-370, 1958.

FAHRIG, L. Effects of habitat fragmentation on biodiversity. Annual Review of Ecology, Evolution and Systematics, v. 34, p. 487-515, 2003.

FREITAS, A. V. L.; FRANCINI, R. B.; BROWN Jr., K. S. Insetos como indicadores ambientais. Curitiba: EdUFPR, 2003.

GIOVENARDI, R.; DI MARE, R. A.; SPONCHIADO, J.; ROANI, S. H.; JACOMASSA, F. A. F.; JUNG, A. B.; PORN, M. A. Diversidade de Lepidoptera (Papolionoidea e Hesperioidea) em dois fragmentos de Floresta no município de Frederico Westphalen, Rio Grande do Sul, Brasil. Revista Brasileira de Entomologia, v. 52, n. 4, p. 599-605, 2008.

HALL, J. P. W.; ROBBINS, R. K. R.; HARVEY, D. J. Extinction and biogeography in the Caribbean: new evidence from a fossil riodinid butterfly in Dominican amber. Proceedings of the Royal Society of London, B 271, p. 797-801, 2004

IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e estatística. Estimativa de populações Disponível em ftp://ftp.ibge.gov.br/estimativas_de_populacao/estimativas_2015 acessado em 15 de Maio de 2016.

ISERHARD, C. A. A.; ROMANOWSKI, H. P. Lista de espécies de borboletas (Lepidoptera, Papilionoidea e Hesperoidea) da região do rio Maquiné, Rio Grande do Sul, Brasil. Revista Brasileira de Zoologia, v. 21, n. 3, p. 649-662, 2004.

KLEIN, R. M. O aspecto dinâmico do pinheiro brasileiro. Sellowia, n.12, p. 17-44, 1960.

KÖPPEN, W. Climatologia. Fundo de Cultura Econômica. Buenos Aires. 1948.

LANGANKE, R. Fragmentação de habitats. Disponível em Acesso em 28 de Julho de 2016.

MARCHIORI, M. O.; ROMANOWSKI, H. P. Borboletas (Lepidoptera, Papolionoidea e Hesperioidea) do Parque Estadual do Espinilho e entorno, Rio Grande do Sul, Brasil. Revista Brasileira de Zoologia, v. 23, n. 4, p. 1029-1037, 2006.

MIELKE, O. H. H.; EMERY, E. O.; PINHEIRO, C. E. G. As borboletas Hesperiidae (Lepidoptera, Hesperioidea) do Distrito Federal, Brasil. Revista Brasileira de Entomologia, v. 52, n. 2, p. 283-288, 2008.

PREFEITURA MUNICIPAL DE UNIÃO DA VITÓRIA. Disponível em http://uniaodavitoria.pr.gov.br/o-municipio/dados-gerais. Acessado em 15/05/2016.

RUSZCZYK, A. Borboletas: indicadoras da qualidade ambiental. Atlas Ambiental de Porto Alegre. Editora da Universidade, 1999.

SILVA, A. R. M.; LANDA, G. G.; VITALINO, R. F. Borboletas (Lepidoptera) de um fragmento de mata urbano em Minas Gerais, Brasil. Lundiana, v. 8, n. 2, p. 137-142, 2007.

WILLMER, P. Pollination and floral ecology. New Jersey, Princeton University Press, 2011. 778p.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.