Reconhecendo a Microbiologia no nosso dia a dia pelo método PBL por estudantes do ensino médio

Leonardo Pinto Medeiros, Sara Scandorieiro, Angela Hitomi Kimura, Lilian Areal Marques, Gessica Dutra Gonçalves, Adriano Martin Feres Aranome, Gerson Nakazato, Alexandre Tadachi Morey, Renata Katsuko Takayama Kobayashi

Resumo


A microbiologia é a ciência que estuda os microrganismos e a relação destes com a nossa vida e meio ambiente. Entretanto, a microbiologia é um tema transmitido ao ensino médio, quase que exclusivamente de forma conceitual e teórica pelo professor, exigindo para sua compreensão, um alto nível de abstração por parte do aluno, dificultando o processo de aprendizagem. O presente trabalho teve como objetivo aplicar a metodologia do PBL no ensino de microbiologia para o ensino médio, relacionando-a com o cotidiano dos estudantes. O PBL coloca o aluno como papel central na produção do conhecimento, visto que o mesmo deve procurar soluções para um problema que lhe é apresentado. O trabalho realizado fez parte do projeto de extensão “Reconhecendo a microbiologia no nosso dia a dia”, financiado pela Secretaria da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior do Estado do Paraná (SETI-PR). Neste projeto atuaram docentes e discentes de pós-graduação (mestrado e doutorado) e graduação, abrangendo cursos de diferentes áreas (Artes visuais, Biologia, Biomedicina, Farmácia, entre outros). Foram alvo desta ação de extensão 13 turmas do ensino médio público, totalizando 272 estudantes, em três cidades do Paraná (Londrina, Tamarana e São Jerônimo da Serra). Primeiramente 10 diferentes tutoriais foram preparados e alguns destes foram aplicados nas escolas públicas. A metodologia PBL teve uma boa aceitação, tanto pelos estudantes quanto pelos professores. Sendo assim, a aplicação do método PBL para o ensino de Microbiologia para o Ensino Médio se mostrou possível e eficiente. Os alunos de ensino básico adotaram atitudes independentes, reflexivas e críticas, participando como protagonista na construção do próprio conhecimento. Deste modo, a metodologia dialética associada com aulas práticas estimulou o trabalho em equipe, contribuindo para formação de cidadãos mais conscientes em relação aos microrganismos, pois compreenderam o papel destes em diversos aspectos de sua vida, saúde e meio ambiente.


Texto completo:

PDF

Referências


ANDRADE, M. A. B. S.; CAMPOS, L. M. L. Análise da aplicação da aprendizagem baseada em problemas no ensino de biologia. In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM EDUCAÇÃO EM CIÊNCIAS, 5, 2005, Bauru. Anais… ABRAPEC: 2005, p. 1-10.

ALBUQUERQUE, G. G.; BRAGA, R. P. S.; GOMES, V. Conhecimento dos estudantes sobre microrganismos e seu uso no cotidiano. Revista de Educação, Ciências e Matemática, Rio de Janeiro, v. 2, n. 1, p. 58-68, 2012.

BARBOSA, F. G.; OLIVEIRA, N. C. Estratégias para o Ensino de Microbiologia : uma Experiência com Estudantes do Ensino Fundamental em uma Escola de Anápolis-GO. UNOPAR Científica, Ciências Humanas e Educação, v. 16, n. 1, p. 5–13, 2015

CALDEIRA, AMA. org. Ensino de ciências e matemática, II: temas sobre a formação de conceitos [online]. São Paulo: Editora UNESP; São Paulo: Cultura Acadêmica, 2009. 287 p. ISBN 978-85-7983-041-9. Available from SciELO Books .

FREITAS, R. A. M. M.. Ensino por problemas: uma abordagem para o desenvolvimento do aluno. Educ. Pesqui., São Paulo, v.38, n.2, p. 403-418, abr./jun. 2012.

HMELO-SILVER, C. E. Problem-Based Learning: What and How Do Students Learn? Educational Psychology Review, v. 16, n. 3, p. 235–266, set. 2004.

KRASILCHIK, M. Prática de ensino de biologia. 4. ed. São Paulo: Edusp, 2004

MORENO, M. A.; REIS, M. J.; CALEFI, P. S. Concepções de professores de ciências sobre a aprendizagem baseada em problemas (ABP). In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM EDUCAÇÃO EM CIÊNCIAS, 9, 2013, Águas de Lindóia. Anais… Águas de Lindóia: 2013, p. 1-8.

MADIGAN, M. T. et al. Microbiologia de Brock. 14. ed. Porto Alegre: Artmed, 2016.

OLIVEIRA, N. F.; AZEVEDO, T. M.; NETO, L. S. Concepções alternativas sobre microrganismos: alerta para a necessidade de melhoria no processo ensino-aprendizagem de biologia. Revista Brasileira de Ensino de Ciência e Tecnologia, v. 9, n. 1, p. 260-276, jan./abr. 2016.

PARANÁ. Secretaria de Estado da Educação. Diretrizes curriculares da rede pública de educação básica do Estado do Paraná: Biologia. Curitiba: SEED, 2008.

PEREIRA, M. V.; REZENDE FILHO, L. A. C. Investigando a produção de vídeos no contexto do laboratório de física. Revista Tecnologias na Educação, v. 5, n. 8, p. 1–12, 2013.

RODRIGUES, M. L. V.; FIGUEIREDO, J. F. C. Aprendizado centrado em problemas. Revista da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, v.4, n.29, p. 396-402, 1996.

ROMEIRO, S. S.; SOUSA, L. F.; OLIVEIRA, L. S.. Microbiologia: uma abordagem através de aulas práticas/experimentais. Ciência & Tecnologia, Jaboticabal, v. 8, n. especial, 2016.

SILVA, P. P. S. DA; KALHIL, J. B. Uma discussão sobre a utilização da Problem Based Learning (PBL) no ensino da Física para o nível médio. Lat. Am. J. Sci. Educ., v. 2, n. 2, p. 22072-1-22072–9, 2015.

SOUZA, R. W. L. Modalidades e recursos didáticos para o ensino de biologia. REB, v. 7, n. 2, p. 124-142, 2014.

TAVARES, R. Aprendizagem significativa e o ensino de ciências. Ciências & Cognição, v. 13, p. 94-100, 2008.

TORTORA, G. J.; FUNKE, B. R.; CASE, C. L. Microbiologia. 10. ed. Porto Alegre: Artmed, 2012.

VASCONCELLOS, C. dos S. Metodologia dialética em sala de aula. Revista de Educação AEC, Brasília, v. 21, n. 83, abr. 1992.

WELKER, C.A.D.O. Estudo de Bactérias e Protistas no Ensino Médio: uma abordagem menos convencional. Revista Eletrônica Experiências em Ensino de Ciências, Porto Alegre, n. 2, p. 69-75, Agosto, 2007.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.