O universo amazônico contextualizado nas oficinas de produção textual

Francineide dos Anjos Teixeira

Resumo


Resumo: A contextualização é muito importante no ambiente escolar e deve ser trabalhada através da leitura e da escrita. Ler histórias que fazem parte do cotidiano do aluno o ajuda a compreender e a se interessar pela leitura. Dessa forma, poderá trazer bons resultados também na escrita, pois os alunos terão mais conhecimentos prévios para ser ativados na hora da produção textual. Sendo assim, o universo amazônico com seus fascinantes mistérios foi escolhido para fazer parte da leitura e das produções dos alunos. O objetivo era que estes conhecessem e resgatassem histórias vividas por pescadores, ribeirinhos para manter vivos os costumes e crenças dos moradores da floresta. A metodologia utilizada foi à contextualização através da leitura de textos de autores parintinenses que escreveram sobre o tema e também utilizar a leitura para fixar palavras, expressões e conteúdos gramaticais. Ao final os alunos produziram o texto conto, após a correção do professor eles o reescreveram, analisando e verificando seus erros para não repeti-los em outras produções. Os resultados foram satisfatórios, pois os alunos tiveram facilidade em escrever sobre o tema, pois fazia parte do cotidiano deles, com isso utilizaram a linguagem particular do meio em que vivem. Também conseguiram assimilar e empregar na produção textual vários assuntos de gramática pelo contexto lido em outros textos trabalhados nas oficinas.  Portanto, a contextualização facilita a compreensão no ato da leitura e na escrita, e as regras gramaticais são ensinadas através da leitura de textos diversos e os alunos as assimilam sem decorar regras isoladas, tornando a aprendizagem mais interessante e significativa.  

Palavras-chave: Leitura, Contextualização, Universo amazônico, Escrita.


Palavras-chave


Leitura; contextualização; universo amazônico; escrita

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.