A MORTE EM UTI NEONATAL SOB A VISÃO DE SEUS PROFISSIONAIS, UMA REVISÃO INTEGRATIVA

Rafaelly Kultz Silvestre, Dirleia Aparecida Dolinski, Cristiane de Melo Aggio

Resumo


Trata-se de uma revisão integrativa da literatura com busca realizada na base de dados da Biblioteca Virtual em Saúde. Após o uso dos descritores (UTI Neonatal, Morte) e aplicação dos filtros foram encontrados 97 artigos. Avaliaram-se os títulos, resumos e por fim foi realizada a leitura de um artigo que respondeu a questão norteadora e critérios de inclusão e foi utilizado no estudo. Como resultado verificou-se que os profissionais de enfermagem que atuam nas UTIs Neonatais diante da morte de pacientes vivenciam sentimentos como: tristeza, impotência, incapacidade e frustração. Os profissionais assemelham o cuidado ao paciente com o prestado a um ente querido, sendo a morte uma das situações mais difíceis para a enfermagem. Com esse estudo verificou-se a necessidade de outras pesquisas que contribuirão nessa área de conhecimento, pois ainda há poucos estudos relacionando o sentimento do profissional à morte do paciente internado em UTI Neonatal. 


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.