O capital científico do campo da Educação Química no Estado do Paraná

Franciellen Rodrigues da Silva Costa, Álvaro Lorencini Júnior, Leila Inês Follmann Freire

Resumo


Este trabalho trata-se de um levantamento preliminar para identificar o volume de capital científico dos professores universitários da área de Educação Química das Instituições de Ensino Superior públicas do estado do Paraná. O objetivo deste trabalho é apresentar quais são os espaços buscados pelos pesquisadores para a socialização dos produtos acadêmicos, e como o volume de capital pode agregar valor simbólico aos agentes sociais deste campo. A pesquisa caracteriza-se como uma pesquisa qualitativa do tipo documental com auxílio da técnica bibliométrica, pois utiliza documentos (currículo Lattes) como ferramenta para mensurar informações ainda não tratadas qualitativamente. Os resultados alcançados indicam a busca por diferentes espaços para as publicações dos produtos acadêmicos, proporcionando aos agentes universitários o acúmulo de capitais simbólicos promovidos pelo capital científico. Sendo que, tais volumes de capitais propiciam a aquisição de poderes para legitimar as suas ideias e critérios para adentrar naquele campo.


Texto completo:

86-103

Referências


BOURDIEU, Pierre. Esboço de uma teoria da prática. In: ORTIZ, Renato (Org.). Pierre Bourdieu: Sociologia. 2.ed. São Paulo: Ática, 1983. p. 46-81.

BOURDIEU, Pierre. Escritos de Educação. In: Maria Alice e Afrânio Catani (org.). Petrópolis, RJ: Vozes, p. 71-79, 1999.

BOURDIEU, Pierre. O uso das ciências sociais: Por uma sociologia clínica do campo científico. Tradução Denice Barbara Catani. São Paulo: Editora UNESP, 2004, 86p.

BOURDIEU, Pierre. Para uma sociologia da Ciência. Portugal: Edição 70, 2017a, 166p.

BOURDIEU, Pierre. Homo academicus. 2.ed. Tradução Ione Ribeiro Valle, Nilton Valle. Florianópolis: Ed. as UFSC, 2017b.

CAPES. Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Ministério da Educação (MEC). Documento de área: área 46, Ensino. 2019.

CUNHA, Marcia Borin; OLIVEIRA, Moises Alves de. Os afetos e a produção da área de educação em Química no Paraná pela perspectiva da invenção do CPEQUI. In: FREIRE, Leila I. F.; COSTA, Franciellen R.S (org.). Temáticas e pesquisa em ensino de Química no Estado do Paraná. Ponta Grossa: Editora UEPG, 2019. p. 11-37.

HEY, Ana Paula. Esboço de uma sociologia do campo acadêmico: a educação Superior no Brasil. São Carlos: EdUFSCar, 2008, 177p.

SILVA, Gilda O.V. Capital cultural, classe e gênero em Bourdieu. Caderno do Programa de pós-graduação em ciências de informação, v.1, n.2, p. 24-26, 1995.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.